Topo
pesquisar

Estudar no Exterior

Estudar no Exterior

Confira textos com dicas e orientações para você estudar no exterior. Bolsas de estudo, melhores universidades e destinos, documentação e muito mais.

A decisão de estudar no exterior tem o potencial de mudar a sua vida para sempre. A experiência é tão grandiosa e enriquecedora que irá, com certeza, te ajudar a não só definir a sua carreira educacional e profissional como também a crescer em todos os sentidos, como por exemplo, criar independência, lidar com as adversidades e respeitar as diferenças.

Apesar de alguns países serem os mais populares quando o assunto é destino de estudo - Canadá, Estados Unidos, Reino Unido, Irlanda e Austrália são alguns exemplos -, a oferta atual é imensa e varia amplamente de acordo com os seus objetivos. Você quer aprender um idioma estrangeiro? Fazer a sua graduação? Estudar e trabalhar no país ao mesmo tempo? Já considerou estudar em países como Suécia, Argentina, Holanda, Japão, Coreia do Sul? Sabe o que cada um deles tem a oferecer?

10 coisas que você precisa saber antes de estudar no exterior

Estas e mais inúmeras perguntas te ajudarão a definir o que e onde estudar. Por isso, a nossa primeira dica é: pesquise muito. Leia artigos, acompanhe sites especializados, assista a canais no YouTube, converse com quem já passou pela experiência, peça dicas, receba a orientação de uma agência caso achar necessário e tudo o que tiver ao seu alcance a fim de tomar uma decisão com segurança e confiança.

Sabemos que é um passo gigantesco a ser dado, fica difícil saber por onde começar. Quando você toma uma decisão bem informada, as chances de errar se minimizam imensamente.

Aqui, procuramos trazer diferentes artigos, notícias, entrevistas, informações e orientações necessárias para que você realize o seu sonho de estudar no exterior. Como a seguir: reunimos passos essenciais para estudar no exterior!

Comece a se preparar com antecedência

Quando dizemos “se preparar com antecedência”, queremos dizer no mínimo um ano. Pode parecer exagero, mas estudar no exterior exige trabalho, dedicação, o preparo de um orçamento e também um bom desempenho na escola.

Cada país e instituição tem métodos distintos de admissão, e os requisitos também variam de acordo com o que você gostaria de estudar, no entanto, de maneira geral, principalmente se você tiver interesse em um curso acadêmico ou técnico, as escolas procuram por estudantes com desempenhos escolares de bons a excelentes. Isto significa que você precisa caprichar no ensino médio, estudar bastante, tirar notas altas e participar de atividades extracurriculares, porque tudo isso conta como requisitos no processo seletivo no exterior.

Além disso, preparar-se com antecedência permite que você passe por todo o processo com calma e tempo suficiente para não perder nenhum passo ou data importante.

Visite o site oficial do seu destino de estudo

A melhor fonte de notícias é e sempre será a oficial. A grande maioria dos países que estão acostumados a receber estudantes internacionais possuem páginas excelentes e completinhas com todas as informações que você precisa para entender o ensino superior e o processo seletivo das instituições do país, assim como vistos, cultura, acomodações e outros assuntos importantes.

Outros ótimos exemplos de sites oficiais:

Reúna todos os documentos necessários

O processo para estudar no exterior exige uma série de documentos a cada fase. Para passar pela seleção universitária, são alguns; para comprovar suporte financeiro; para solicitar o visto de estudante, etc. E a lista muda de acordo com o país também, sem contar a tradução desses documentos para o idioma oficial nacional. 

Verifique tudo o que você terá de providenciar e crie uma pasta para guardar todos os documentos, tanto uma versão digital quanto uma impressa. Alguns deles podem levar um tempo para serem emitidos, outros precisam ser oficiais. É por isso que é importante começar a ir atrás deles o quanto antes possível.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Saiba mais: documentos para estudar no exterior

Mantenha uma comunicação ativa com a sua instituição

Neste ponto do processo você já deve ter se decidido pelo país e universidade. Durante toda a sua inscrição, procure manter uma comunicação direta com a instituição, de preferência com alguém responsável especificamente pelos estudantes internacionais. Esta pessoa será o seu guia oficial toda e qualquer vez que houver uma dúvida sobre a seleção, valores, vida universitária, etc.

Além de te ajudar a esclarecer todas as suas questões, essa comunicação é uma forma de demonstrar interesse na vaga na universidade e de fazer com que os recrutadores lembrem-se de você.

Preste uma prova oficial de proficiência no inglês

As chances de precisar de um exame de inglês (ou qualquer outra língua estrangeira) oficial para ser admitido em um curso no exterior são bem grandes - a não ser que você esteja viajando para estudar o idioma, claro. Estas provas mostram se você tem a fluência necessária para compreender, interpretar, ler, escrever e falar em inglês, principalmente em contextos acadêmicos.

Há vários deles, mas os mais amplamente reconhecidos no mundo todo são o IELTS e o TOEFL.

Faça a sua inscrição - e pague a taxa obrigatória

Uma vez decidido o país, a universidade e o curso, providenciado todos os documentos e tirado todas as suas dúvidas, é hora de enviar a sua inscrição. Na maioria dos casos, ela pode ser feita online, apenas com o preenchimento de um formulário e o upload dos seus documentos digitalizados. Costuma haver também uma pequena taxa de inscrição que deve ser paga juntamente com o envio do seu formulário.

Normalmente, tudo isso é feito pelo próprio site da instituição. Entretanto, alguns países possuem serviços centralizados de admissão universitária, como é o caso do UCAS, no Reino Unido, e o Common Application, nos Estados Unidos.

Prepare o seu orçamento e pesquise por bolsas de estudo

Esta é provavelmente a parte que mais preocupa quem está se preparando para estudar no exterior. A experiência vem acompanhada de uma série de gastos, dos estudos às passagens aéreas e custo de vida no exterior. Se você começar a se preparar cedo, com alguns anos de antecedência, terá tempo de guardar dinheiro e passar pelo processo com mais tranquilidade.

As universidades e os oficiais de imigração no consulado pedem por documentos que comprovem a quantia disponível para ser usada no exterior, que podem ser extratos bancários, uma carta oficial do seu banco ou da pessoa responsável pelas despesas da sua viagem, entre outros documentos. Saiba mais sobre declaração de suporte financeiro

Uma das melhores formas de economizar durante os estudos é conquistar uma bolsa de estudo no exterior. Nós temos vários artigos que podem te ajudar com isso:

10 dicas para conseguir uma bolsa de estudo no exterior

10 passos para conseguir a sua bolsa de estudo no exterior

Como abordar universidades internacionais sobre bolsas de estudo

Solicite o seu visto de estudante

O visto é o seu bilhete dourado! Só com ele você consegue a permissão para entrar no país. Cada destino de estudo tem suas próprias regras, processo de solicitação e custos para conceder um visto de estudante a um estrangeiro. Saiba como tirar seu visto de estudante.

Artigos de Estudar no Exterior

10 coisas que você deve saber antes de estudar no exterior

10 dicas de como usar a internet para conhecer a sua universidade internacional

10 dicas para evitar a homesickness ao mudar-se para estudar no exterior

3 tipos de bolsas de estudo na Alemanha: o seu caminho para os estudos na Europa

3 universidades com bolsas de estudo de graduação abertas para brasileiros

5 destinos de estudo que cresceram em popularidade entre estudantes brasileiros

6 coisas engraçadas que você fará enquanto se prepara para estudar no exterior

6 dicas para manter um relacionamento a distância enquanto você estuda no exterior

Admissão condicional: a chance de melhorar o inglês no exterior antes da graduação

Antes de escolher o seu curso entenda os diferentes tipos de diplomas no exterior

Aprenda como se destacar no processo de seleção com boas cartas de referência

As diferenças entre universidades públicas e particulares nos Estados Unidos

As melhores escolas de idioma do mundo segundo premiação da agência ESL

As melhores formas de economizar o seu dinheiro como um estudante em Londres

As melhores universidades dos EUA para estudantes internacionais segundo a Forbes

As sete melhores universidades da China para estudantes internacionais

Austrália tem a cidade mais habitável do mundo por quatro anos consecutivos

Austrália treina agentes brasileiros sobre as oportunidades de ensino no país

Bolsa de estudo de empreendedorismo social nos EUA recebe inscrições até janeiro

Bolsa de estudo no exterior 100%: isso é possível?

Bolsas de estudo na Holanda: Orange Tulip Scholarship Brazil

Bournemouth University, no Reino Unido, tem bolsas ilimitadas para brasileiros

Brasil e países do BRICS criam cursos conjuntos para intercâmbio de estudantes

Brasileiros com passaporte europeu podem solicitar financiamento estudantil no Reino Unido

Brasileiros estão cada vez mais interessados em graduação no exterior, diz pesquisa

Brasileiros nos EUA: Ciência Sem Fronteiras e a visita de Dilma

Caltech é a melhor universidade do mundo pelo quinto ano consecutivo, segundo a Times 2015

Catálogo universitário: o que é prospectus?

Catered e self-catered: as opções de refeições nos dormitórios acadêmicos

Comece os seus estudos no exterior com um curso de Acesso à Graduação

Como as escolas de inglês internacionais estão melhorando os seus cursos online

Como escolher sua acomodação estudantil no exterior

Como sair da sua zona de conforto pode ser a chave para o seu sucesso

Conheça os passos para ingressar em uma Universidade Americana

Entenda o processo seletivo holístico usado em universidades no exterior

Estudantes de STEM são permitidos a permanecer por 24 meses nos EUA para OPT

Estudantes internacionais na Irlanda são os mais satisfeitos da Europa em 2015

Estudar na Holanda: as diferentes instituições e diplomas acadêmicos

Estudar no exterior é de fato maravilhoso! Você já ouviu falar da Síndrome do Regresso?

Estudar no Japão: o sistema de ensino superior e as instituições

Free Community College: Governo americano quer tornar educação comunitária gratuita no país

Global MBA Ranking 2013: especializar-se em business no exterior

Harvard tem a melhor reputação mundial há cinco anos consecutivos

Infográfico: Ranking das 10 Melhores Reputações em Educação Acadêmica 2014

Inscrições de estrangeiros em pós-graduações nos EUA crescem pelo 10º ano consecutivo

Instituto americano lidera ranking mundial da Times pela quarta vez

Lisboa é a melhor cidade para se viver de 2018! Saiba por que ela tem atraído tantos brasileiros!

MIT, nos Estados Unidos, é a melhor universidade do mundo segundo o ranking QS 2015

Mito ou verdade? Esclarecemos 5 fatos sobre estudar no exterior

Na rede: como manter-se atualizado sobre “estudar no exterior” pela internet

Não caia nos golpes das falsas instituições internacionais

Nove coisas que você precisa pesquisar antes de estudar na Inglaterra

O que é importante para os estudantes em uma universidade nos Estados Unidos?

Os benefícios de ser bilíngue para o cérebro e a vida profissional

Pesquisa mostra a importância de rankings universitários para os estudantes internacionais

Pesquisa mostra que britânicos querem aumentar o número de estudantes internacionais no país

Posso trabalhar na Inglaterra durante os meus estudos?

Princeton Review: o melhor retorno para os investimentos em educação nos EUA

Psicóloga explica as causas e os sintomas da Síndrome do Regresso

Que tal se preparar para ingressar em uma universidade no Reino Unido em setembro?

Rankings universitários podem lhe ajudar na sua decisão na hora de escolher o seu curso no exterior

Salão do Estudante passa por 8 capitais brasileiras em março; Portugal é país de honra

Santander seleciona 100 brasileiros para bolsas de estudo na Espanha

Termos universitários no exterior, faça bonito quando chegar na sua universidade internacional!

Times Higher Education: as melhores universidades do mundo por reputação de 2013

Times Rankings 2014: as melhores universidades da Ásia

Times: sete jovens universidades que mais cresceram nos últimos anos

Três pessoas que podem escrever a sua carta de recomendação

Turistando na Inglaterra: os diferentes transportes públicos britânicos

Universidade da China cria curso para ensinar a ser digital influencer e celebridade virtual

Universidades da Nova Zelândia publicarão informações sobre empregabilidade de graduandos

Universidades internacionais dão dicas sobre inscrição no processo seletivo

Vistos de estudante para a Austrália: novas subclasses e regras mais simples

Você é criativo e desobediente? O MIT está oferecendo US$ 250 mil por suas ideias!

“Times Higher Education 100 Under 50 2014”: as melhores instituições do mundo de até 50 anos

BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola