Whatsapp
Em 13/07/2017 10h43

Revista Money elege as universidades americanas com o melhor custo/benefício

Estudar no Exterior

A mais recente versão da lista “50 Colleges that add the most value” tem Touro College na liderança. Por Hotcourses Brasil
Money utiliza um método de avaliação que ela chama de “média de valor comparativo”
Money utiliza um método de avaliação que ela chama de “média de valor comparativo”
Crédito da Imagem: 50 Colleges that add the most value
PUBLICIDADE

A revista Money anunciou a mais recente versão da lista “50 Colleges that add the most value”. Isto significa: aquelas que mais respeitam o valor investido pelos estudantes na educação acadêmica e têm o melhor custo/benefício. 

Não é nenhuma surpresa que as escolas de elite, como Harvard e Princeton, tenham uma média maior de estudantes que conseguem terminar a graduação e, depois, atingir o sucesso em suas carreiras – principalmente se forem consideradas sua formação educacional prévia e capacidade financeira de suas respectivas famílias.

O ranking da Money tem como objetivo identificar as instituições que conseguem médias e resultados surpreendentemente positivos independente do histórico acadêmico e econômico de seus estudantes. 

São aquelas que admitem um corpo discente mais diversificado, formado por alunos de diferentes etnias e classes sociais, que concluíram o ensino médio em escolas públicas e particulares, e que, em muitos casos, precisam assumir empréstimos para conseguir bancar o curso em uma universidade.

Fatores de seleção

Para chegar à lista, a Money utiliza um método de avaliação que ela chama de “média de valor comparativo”. As universidades dos Estados Unidos são avaliadas de acordo com uma série de fatores: preço dos cursos, média de graduações, salário inicial dos graduados, bolsas de estudo e reembolso de empréstimos estudantis. 

Automaticamente, esta seleção já elimina as universidades com qualquer média negativa ou taxas de graduação abaixo de 50% (número de estudantes que começaram, mas não terminaram o curso).

Como fontes, a Money utiliza dados do Departamento de Educação dos Estados Unidos, Peterson’s, PayScale.com e cálculos da MONEY/College Measures.

A lista

O resultado final informa:

-A média tirada pelos estudantes da universidade no SAT/ACT; 
-A estimativa do preço da universidade para o ano letivo de 2017-18 sem ajuda financeira;
-A estimativa do preço da universidade para o ano letivo de 2017-18 com a média de ajuda financeira oferecida pela instituição;
-Porcentagem de estudantes que recebem bolsas de estudo com base em necessidade;
-Porcentagem de estudantes que recebem bolsas de estudo com base em mérito acadêmico;
-Salário inicial dos estudantes já graduados (no começo da carreira).

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A primeira da lista, a Touro College, de Nova York, atingiu a média geral de 99. A sua missão inicial era atender à comunidade de judeus da região. A maioria de seus estudantes ainda é judia, atualmente, no entanto, ela tem um corpo discente diverso: 16% são negros e 10%, hispânicos. Aproximadamente metade de seus alunos tem 25 anos ou mais. Um terço de todos os candidatos inscritos é admitido todos os anos e 88% deles recebem algum tipo de bolsa de estudo. É esta diversidade que a “50 Colleges that add the most value” valoriza!

A instituição católica Molloy College, por exemplo, em terceiro lugar, tem uma média de graduação muito maior, o preço dos seus cursos é mais barato e o salário inicial de seus graduados é 30% maior do que outras instituições similares a ela. De fato, seus estudantes ganham em média US$ 57.600 anuais no início da carreira, perdendo apenas para a Babson College (US$ 59.000) entre as dez primeiras colocadas.

50 Colleges that add the most value

1. Touro College
2. Mount Saint Mary’s University 
3. Molloy College
4. Otis College of Art and Design
5. Fairleigh Dickinson University-Metropolitan Campus
6. California State Univeristy-Stanislau
7. MCPHS University
8. Babson College
9. University of Saint Joseph
10. University of California-Davis

Veja a lista completa aqui.

Artigos Relacionados
Confira 6 dicas para aproveitar a experiência de estudar no exterior sem ter a sua namorada ou o seu namorado ao seu lado.
Saiba quais são os procedimentos para estudar em uma universidade dos Estados Unidos.
Faculdades Comunitárias oferecem cursos de dois anos de duração por preços mais acessíveis.
Programa tem como objetivo facilitar o acesso ao ensino superior e diminuir a falta de mão-de-obra capacitada no EUA.
Lista não possui nenhuma universidade brasileira, são sete dos EUA e três do Reino Unido.
Uma nova pesquisa foi realizada pelo Hotcourses Group para identificar o que os estudantes procuram quando pesquisam por cursos no exterior. Confira o resultado!
Confira três universidades internacionais que possuem diferentes opções de bolsas de estudo para estudantes estrangeiros que desejam estudar no exterior.
  • Facebook Brasil Escola
  • Instagram Brasil Escola
  • Twitter Brasil Escola
  • Youtube Brasil Escola
  • RSS Brasil Escola
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES