Whatsapp
Em 16/12/2020 15h12 , atualizado em 16/12/2020 15h21

10 melhores cidades estudantis do mundo, segundo estudantes

Estudar no Exterior

Cidades da Europa, Estados Unidos, Canadá e Austrália estão entre as preferidas dos estudantes internacionais. Por Hotcourses Brasil
Cidade de Munique, na Alemanha
Cidade de Munique, na Alemanha
Crédito da Imagem: Hotcourses Brasil
PUBLICIDADE

Todos os anos a QS lança a sua lista das melhores cidades estudantis do mundo. E, entre os indicadores de qualidade analisados, há o de “opinião dos estudantes”, baseado em uma pesquisa feita com mais de 80.000 pessoas que estão estudando ou que se graduaram no exterior.

A pesquisa considera uma série de fatores, como cenário artístico e cultura, custo de vida, vida noturna, oportunidades de empregabilidade durante e após os estudos, diversidade, inclusão, segurança, acolhimento dos locais, entre outros.

Aqui vai o resultado da lista mais recente de melhores cidades estudantis do mundo segundo estudantes em ordem decrescente!

9. Nova York e Londres

“I want to be a part of this, New York, New York.” Nova York, nos Estados Unidos, empatou no final do top 10 com a capital da Inglaterra. Apelidada de Big Apple, embora tenha ficado em 19ª no ranking gral das melhores cidades estudantis, ela é muito bem avaliada pelos estudantes nela matriculados.

Basicamente, o maior atrativo de Nova York é que há sempre algo a se fazer. A cidade nunca dorme! E, em relação aos estudos, além das escolas de inglês, você pode escolher entre instituições renomadas, como:

Londres é a melhor cidade estudantil do mundo segundo o ranking QS Bets Student Cities, mas entre os estudantes ela empata em nona. O principal motivo para isso é o custo de vida, em especial o alto valor dos aluguéis.

Mesmo assim, ela é uma capital econômica, cultural, turística e acadêmica do mundo, com 18 universidades entre as melhores do mundo, inclusive:

8. Praga

A capital da República Tcheca, que no ranking geral aparece apenas em 35ª, é considerada a oitava melhor cidade estudantil do mundo. Os indicadores que se sobressaem é o custo de vida acessível, a diversidade da população estudantil e a integração entre diversidade e inclusão.

Leia também: Conheça o processo para estudar Medicina na Universidade Carolina de Praga

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

7. Boston

É bem fácil de entender por que Boston, nos Estados Unidos, aparece no top 10: é nela (ou ao redor dela) que se encontram duas das melhores universidades dos Estados Unidos, o Massachusetts Institute of Technology (MIT) e a Harvard University, respectivamente primeira e terceira melhores instituições do mundo segundo o ranking QS.

Boston fica perto de Nova York, é uma bela cidade grande, mas com características de cidade pequena, e uma enorme população de universitários do mundo inteiro.

6. Brno

Olha a República Tcheca aqui de novo! Brno subiu três posições na avaliação dos estudantes – inclusive, ela tem a maior proporção de universitários entre todas as cidades da lista, indicando uma grande presença estudantil. Esse foi, de fato, um dos fatores que pesou a favor de Brno, a quantia de pessoas do mundo inteiro que você encontra nela.

5. Amsterdã

Poder ir para todos os lugares de bicicleta tranquilamente, caminhar pelos canais entre locais históricos, muitos museus, vida noturna inigualável, uma cidade segura... Amsterdã, na Holanda, subiu duas posições para ficar em 5ª esse ano. Ela é altamente classificada em “desejabilidade”, o que significa que, mesmo se o estudante não estiver matriculado nela, ele deseja ou desejava ter estudado em Amsterdã.

4. Berlim

Berlim, além de capital, é maior cidade da Alemanha. Multicultural, jovem, histórica e com uma vida noturna agitada, ela é bem classificada em oportunidades de trabalho após os estudos, um indicador da forte economia da cidade e abertura à mão de obra estrangeira qualificada.

3. Melbourne

Melbourne é a capital do estado de Vitoria, na Austrália, conhecida como a capital cultural do país. No ranking das melhores cidades do mundo para se viver, ela costuma ficar sempre em primeiro ou em segundo lugar, como aconteceu na lista mais recente, ficando atrás apenas de Viena, na Áustria.

Melbourne tem uma comunidade bastante diversa de estudantes do mundo inteiro, “belos subúrbios” e excelentes universidades, como:

Leia também: 5 razões para estudar em Melbourne, na Austrália

2. Montreal

O Canadá é o destino de estudo mais popular entre os brasileiros. E Montreal é a segunda melhor cidade estudantil segundo estudantes do mundo inteiro, que apontam a diversidade, empregos após a graduação, comunidade acolhedora e facilidade de se locomover pela cidade como os fatores principais.

1. Munique

Finalmente, o primeiro lugar: Munique, na Alemanha! Para chegar nessa posição, a cidade foi muito bem avaliada em todas os indicadores de qualidade, em especial por ser um destino “desejável”; ter diversas oportunidades de empregabilidade após os estudos; ser uma cidade limpa e segura; e ter excelentes universidades.

E aí? O seu destino de estudo dos sonhos apareceu na lista?

Artigos Relacionados
O site Niche traz uma lista das melhores universidades católicas dos Estados Unidos em 2018
Esportes fazem parte da cultura norte-americana e prática esportiva começa cedo, não só para manterem-se fisicamente ativas, mas para aprender valores.
Os Estados Unidos continuam a liderar o QS World University Ranking na sua edição 2021, ocupando as quatro primeiras posições. Veja as melhores universidades do mundo.
  • Facebook Brasil Escola
  • Instagram Brasil Escola
  • Twitter Brasil Escola
  • Youtube Brasil Escola
  • RSS Brasil Escola
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES