Em 06/08/2020 13h08

Estudar Medicina nos EUA: o que significa pre-med?

Estudar no Exterior

Preparatório é exigido para ser admitido em uma Medical School, as escolas de pós-graduação em Medicina. Por Hotcourses Brasil
PUBLICIDADE

Nos Estados Unidos, há algumas áreas de estudo acadêmicas que só estão disponíveis a partir de pós-graduações, como Direito e Medicina. Isso significa que, para cursá-las, você precisa necessariamente concluir um bacharelado primeiro. E é aí que entra o pre-med!

O que significa pre-med?

Pre-med é a abreviação de pre-medical. Ele é cursado durante a graduação nos Estados Unidos e serve como um programa preparatório para quem quer fazer uma pós-graduação em Medicina após o bacharelado.

Para entender melhor, primeiro é importante saber como funciona o sistema de ensino superior nos Estados Unidos. De maneira geral, no primeiro ano da graduação, os estudantes frequentam uma série de disciplinas fundamentais e obrigatórias que funcionam como uma base para os estudos acadêmicos. É só a partir do segundo ano que as disciplinas começam a focar na major – a área de estudo escolhida pelo estudante.

Os universitários nos EUA têm liberdade maior para montar a sua própria grade curricular, escolhendo as matérias disponíveis a cada ano letivo para o seu calendário de aulas de acordo com os créditos necessários para completar o curso, os seus objetivos futuros e planos profissionais. Para isso, quase sempre recebem a ajuda de orientador ou conselheiro acadêmico.

Não existe exatamente uma graduação específica – ou uma major – para se preparar para estudar medicina. O pre-med é, na verdade, uma série de disciplinas obrigatórias, normalmente voltadas às ciências, que ajudam o estudante como pré-requisitos para ser admitido em uma Medical School, as escolas de pós-graduação em Medicina nos Estados Unidos.

Por isso, teoricamente, você pode escolher qualquer major para a sua graduação desde que curse as matérias exigidas como requisitos para a admissão no curso de pós-graduação de Medicina que você quer fazer depois de ter o seu bacharelado.

O que cursar no pre-med?

Primeiramente, durante o processo seletivo para a sua graduação no exterior, independentemente se estiver se candidatando à área de Biologia, de Jornalismo ou de Engenharia, é essencial que você deixe bastante claro que a sua intenção é ser um estudante pre-med. Isso pode influenciar a sua admissão e os recrutadores vão buscar identificar as suas motivações e objetivos para querer estudar Medicina após formado.

Uma vez admitido, atente-se às matérias necessárias no seu currículo. A maioria das Escolas Médicas americanas exigem dos candidatos as seguintes disciplinas:

  • Biologia: um ano, com aulas em laboratórios;
  • Química Geral: um ano, com aulas em laboratórios;
  • Química Orgânica: um ano, com aulas em laboratórios;
  • Física: um ano, com aulas em laboratórios;
  • Bioquímica: pelo menos um semestre;
  • Matemática: Cálculo ou Estatísticas por um ano (às vezes, os dois);
  • Inglês ou outra matéria de Ciências Humanas/Sociais/Comportamentais: um ano.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

As disciplinas e a duração variam de acordo com a escola que você quer se inscrever após a sua graduação. Portanto, o ideal é já ter uma ideia de quais Medical Schools te interessam nos Estados Unidos e verificar quais são os requisitos de admissão antes de montar a grade de matérias da sua graduação.

Leia também: Estudar Medicina em países com processos seletivos mais juntos

Exemplos

1) A Harvard Medical School exige:

  • Um ano de Biologia com experiência em laboratório, incluindo aspectos celulares e moleculares;

  • Dois anos de Química, incluindo Química Inorgânica, Orgânica e Bioquímica;
  • Um ano de Física;
  • Embora não seja obrigatório e como a concorrência é acirrada, recomenda-se que os candidatos também façam um ano de Matemática (Cálculo e Estatísticas ou Bioestatísticas) e alguma disciplina de Ciências Comportamentais, como Psicologia e Sociologia.

2) A Escola de Medicina da Johns Hopkins University exige:

  • Um ano de Biologia com experiência em laboratório;
  • Um ano de Química Geral com experiência em laboratório, com um semestre de Química Orgânica e outro de Bioquímica;
  • 24 horas por semestre em áreas de Ciências Humanas (Inglês, História, Filosofia, Artes, Idioma Estrangeiro, etc.), Ciências Sociais (Sociologia, Economia, Ciências Políticas, etc.) e Ciências Comportamentais (Psicologia, etc.).
  • Um ano de Cálculo e/ou Estatísticas como requisito de preparo em Matemática;
  • Um ano de Física com experiência em laboratório.

Requisito adicional para candidatos internacionais

Se você concluir a sua graduação no Brasil e mesmo que tenha todas as disciplinas obrigatórias, a grande maioria das Escolas Médicas norte-americanas pede como pré-requisito pelo menos um ano de preparação em uma universidade aprovada nos Estados Unidos ou Canadá.

Artigos Relacionados
O resultado do Vestibular 2020/2 de Medicina da Humanitas foi liberado hoje, 06/08. Seletiva foi feita por notas do Enem.
Veja três opções de países com cursos de Medicina de alta qualidade, mas processos seletivos que podem ser considerados mais justos por diferentes fatores. No Brasil, o número de médicos cresceu 23% nos últimos sete anos.
Saiba o que muda no Novo Revalida, exame do Ministério da Educação para revalidação de diplomas de Medicina emitidos no exterior.
O estudante não precisa se submeter ao vestibular. Saiba o que é necessário fazer para ingressar nesse curso.
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES