Whatsapp

Banco de Redações

abril

Tema: Debate sobre a linguagem neutra
PUBLICIDADE

A linguagem neutra está vinculada ao movimento LGBTQIA+. Essa proposta de comunicação traz alguns posicionamentos, sendo contrários, como a questão da redundância, ou a favor de tal movimento, como um mecanismo de inclusão. Tendo isso em vista, o Banco de Redações do Brasil Escola preparou o seguinte tema: "Debate sobre a linguagem neutra". 

Para realizar a proposta, você deverá construir um texto dissertativo-argumentativo respondendo ao questionamento da proposta, demonstrar domínio da norma culta da língua, mobilizar diversas áreas do conhecimento, ou seja, seu conhecimento de mundo para desenvolver o tema, respeitando a estrutura do texto dissertativo-argumentativo.

Além disso, você deve levar em consideração os textos apresentados na coletânea, levantar os principais argumentos, dados e exemplos e realizar uma análise crítica, deixando claro seu posicionamento diante do tema na conclusão do texto. Apresente uma proposta de intervenção que respeite os direitos humanos.

Saiba como fazer uma boa dissertação e conheça também as características deste gênero textual?.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

ATENÇÃO: as redações serão corrigidas de acordo com os critérios do ENEM, seguindo seu método de análise e pontuação, assim como suas regras. 

Atenção aos motivos que podem zerar sua redação:
1) Fuga total ao tema;
2) Não obediência à estrutura dissertativo-argumentativa;
3) Texto com até 7 linhas;
4) Impropérios, desenhos e outras formas propositais de anulação ou parte do texto deliberadamente desconectada do tema proposto;
5) Redação em branco;
6) Cópia do texto motivador.

Cronograma para envio de redações:
1º período: 1 a 8 de abril 
2º período: 10 a 18 de abril
3º período: 20 a 27 de abril

Evite enviar a redação pelo celular. A estrutura do texto pode ficar comprometida e o corretor ortográfico do celular pode trocar as palavras.

As correções estarão disponíveis a partir de 1º de maio.

Enviou seu texto em março de 2022? Acesse aqui a correção.

Elabore sua redação considerando as ideias a seguir:

Texto 1

A linguagem não binária, também denominada linguagem neutra, é um fenômeno social, político e linguístico vinculado às lutas identitárias de grupos LGBTQ+. Criada há cerca de 10 anos, no contexto das redes sociais e do surgimento de coletivos militantes, grafa ‘x’, ‘@’ ou ‘e’ em substantivos para neutralizar o gênero gramatical. [Revista Educação] Leia o texto na íntegra 


Texto 2

A lei 5.123/21, de Rondônia, questionada no STF, não é a única a proibir o uso da linguagem neutra nas escolas e em concursos públicos. No Mato Grosso do Sul, recentemente, foi sancionada a lei 5.820/21, que torna obrigatória a utilização da norma culta da Língua Portuguesa nos instrumentos de aprendizagem utilizados no ambiente escolar, nos documentos oficiais e na confecção de materiais didáticos. 

Já em Joinville/SC, a lei 9.077/21 veda expressamente a utilização de linguagem “estranha à Língua Portuguesa” em utilização de flexão de gênero no âmbito da administração pública municipal. 

Além dessas normas já sancionadas, tramita na Câmara dos Deputados o PL 5.248/20, que proíbe o uso da linguagem neutra na grade curricular e no material didático de instituições de ensino públicas ou privadas no ensino da Língua Portuguesa no ensino básico e superior. A proposta inclui a vedação em documentos oficiais dos entes federados, em editais de concursos públicos, assim como em ações culturais, esportivas, sociais ou publicitárias que percebam verba pública de qualquer natureza. 

O texto determina que o aprendizado da Língua Portuguesa seja feito de acordo com a norma culta, com as Diretrizes Curriculares Nacionais (DCNs), com o Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa (VOLP) e com a grafia fixada no tratado internacional vinculativo do Acordo Ortográfico de Língua Portuguesa. [Migalhas] Leia o texto na íntegra

Texto 3

Desde que pisou em uma sala de aula como professora, há mais de sete décadas, a paulista Maria Helena de Moura Neves, 91 anos recém-completados, viu que era ali a sua segunda casa. E nunca mais parou. Até hoje exerce a função de ensinar. Também segue atualizada em debates em torno da língua portuguesa, como o uso da linguagem neutra, que entende não ser o termo apropriado, apesar de "louvável". 

"Considero um equívoco o uso desse termo ‘linguagem neutra’ para a proposta que ele representa. Na verdade, esse movimento visa a inclusão social, sem discriminações, de todos os grupos da sociedade, tratando-se, pois, da proposta de uma ‘linguagem inclusiva’, ou ‘língua inclusiva’, o que é extremamente louvável", diz Maria Helena. 

"Quando alguém usa, nas suas produções linguísticas, orais ou escritas, as marcas linguísticas que têm sido propostas com essa finalidade, ele está exercendo um papel social, marcado e importante, de condenação das discriminações", diz a decana. 

"Entretanto, não se pode supor que, em um determinado momento da vida da sociedade, algum falante de uma língua, ou algum contingente de falantes, impelido pela motivação de uma conduta desejável, terá sucesso propondo uma alteração do 'sistema' da língua."  [Folha de São Paulo] Leia o texto na íntegra 

Texto 4

Um dos pontos levantados por quem é contra o uso da Linguagem Neutra é que as novas grafias tornam a comunicação repetitiva e longa. Dizer “todos e todas”, por exemplo, é redundante, visto que pode-se dizer apenas “todos”. 

Outro ponto que recebe críticas são as mudanças de grafia com “x” ou “@”, que dificultam a leitura. Além disso, pessoas com deficiência visual que usam programas para ler textos seriam afetadas, pois os softwares não fazem a leitura de palavras escritas dessa forma. 

Da mesma maneira, a compreensão das palavras também poderia ser comprometida com a utilização do sufixo “-e” ou dos pronomes citados no início deste artigo. Falas ou textos que fazem uso desses termos podem ser mais complicados ou confusos para pessoas que não estão acostumadas ou não têm conhecimento. 

Em suma, os argumentos contrários têm como base o fato do gênero masculino ser considerado neutro pelos órgãos que regulam os idiomas, como a Real Academia Espanhola e Academia Brasileira de Letras. 

Em outras palavras, como o masculino designa todos os gêneros, em teoria, nenhuma alteração seria necessária. [Clube do Português] Leia o texto na íntegra
 


Redações corrigidas


Título Nota
12080 720
25 640
4fbs 920
A aplicabilidade da linguagem neutra no Brasil 520
A importancia da linguagem neutra 640
A Inclusão e a Língua 480
A LINGUA NEUTRA 400
A linguagem neutra 520
A linguagem neutra como instrumento de inclusão social 800
A linguagem neutra deve ser inserida na língua portuguesa? 680
A linguagem neutra, uma discussão social 800
A mudança dos pronomes 400
A realidade de The Originals ratificada no cotidiano tupiniquim. 880
Adaptamento da linguagem neutra 520
Amsterdam 680
Andre Gonçalves Barbosa. 720
Breve reflexão da linguagem neutra 680
Comunicação Civilizada 520
Contextualizando a linguagem neutra 480
Debate sobre a língua neutra 560
Debate sobre a linguagem neutra - altf 880
Debate sobre a linguagem neutra - me 640
Debate sobre a linguagem neutra no Brasil 880
Debate sobre a linguagem neutra-JOY 600
Debate sobre a neutralidade na língua 720
Debate sobre linguagem neutra 480
Desafios para a implantação da linguagem neutra 920
direitos humanos associados a linguagem neutra 600
È Vital Esclarecimentos 520
Educação ou preconceito? (le) 720
importância do respeito com o próximo 520
Imposição cultural 680
Incluindo o neutro 880
Inovações nas fôrmas de linguagem. 360
JayCoutinho 800
Jdcg 2022 640
Júlia Alves 520
LINGUAGEM NEUTRA 880
Linguagem neutra 720
Linguagem Neutra 840
Linguagem Neutra 440
Linguagem Neutra 720
Linguagem Neutra 0000001 880
Linguagem neutra ::: 560
Linguagem neutra em discussão no Brasil 760
Linguagem neutra no Brasil 760
Linguagem neutra no português brasileiro 840
Linguagem neutra, um direito dos não-binários. 800
Linguagem neutra: Inclusão ou exclusão? 720
Lutas sociais de inclusão, através da linguagem neutra. 720
maria paula 08 800
O pronome neutro é relevante? 600
O pronome neutro no Brasil 720
Para o Alvo 600
PEDRO DE S. BRITO 720
Preciosa 01 880
Representatividade através da linguagem 720
Respeito as diferenças 840
Saber é Poder 680
Sem Título 840
Sopa de letras: o poder da linguagem 920
uma nova era 440
Uso da linguagem neutra 24 800
[Sem título] 720
[Sem título] 840
[Sem título] 720
[Sem título] 840
[Sem título] 600
[Sem título] 680
[Sem título] 760
[Sem título] 600
[Sem título] 880
[Sem título] 880
[Sem título] 680
[Sem título] 600
[Sem título] 520
[Sem título] 760
[Sem título] 680

  • Facebook Brasil Escola
  • Instagram Brasil Escola
  • Twitter Brasil Escola
  • Youtube Brasil Escola
  • RSS Brasil Escola
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES