Whatsapp

Linguagem neutra no português brasileiro

Banco de Redações

Tema: Debate sobre a linguagem neutra

Redação enviada em 22/04/2022

PUBLICIDADE

A língua portuguesa, que atualmente é o idioma predominante no Brasil, é o idioma  (Evite repetição) originado por ser consequência da colonização portuguesa ocorrida por volta dos anos 1500 a diante. Porém, ela não é o exato português que é falado em Portugal, pois a história e a cultura brasileira são marcadas com a imigração e a descendência de diversos povos de diferentes continentes. O português brasileiro é uma língua da qual está em constante mudança. Um exemplo disso são livros de décadas passadas que possuem palavras não usadas frequentemente na atualidade, mas, mesmo sendo um idioma mutável, ele não é exatamente inclusivo. (Muito bem. Formulou a tese) 

Com o reconhecimento de pessoas LGBTQIA+ (Desenvolva a sigla) e especificamente não-binárias, diversos cenários estão mudando para que se possa-se aceitar essas pessoas e incluí-las de várias maneiras, um exemplo de uma forma de inclusão que a sociedade LGBTQIA+ busca na sociedade atual é a adesão do pronome neutro na linguagem, do qual não seja necessariamente feminino e nem masculino, pois, assim, esta é uma forma de que não-binários possam se sentir acolhidos e representados porque a língua portuguesa é extremamente específica em relação a pronomes (Essa discussão precisa ser explorada com mais produtividade), diferente do inglês que não possui muitos adjetivos e palavras com gênero explícito representado por artigos.

(Boa estratégia coesiva) Ademais, a tentativa do uso da linguagem neutra é algo que acontece regulamente em redes sociais, porém de forma demasiadamente coloquial, com o uso de símbolos ao invés de vogais, como é proposto por quem apoia a adesão do neutro no português brasileiro, por ser mais fácil de se pronunciar e se adaptar. A adaptação idealizada para pessoas com deficiência visual ou dislexia, transtornos que dificultam a leitura, pois leitores de tela não conseguem identificar e pronunciar esses símbolos como conseguem caso fossem vogais ou consoantes (Essa discussão precisa ser mais explorada). Entretanto, algo que está impossibilitando a normalização do neutro em nossa língua é o crescente preconceito que gera discursos demasiadamente odiosos para quem apoia o mesmo.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

​​​​​​​(Boa estratégia coesiva) Portanto, é de suma importância que o pronome neutro seja algo normalizado na nossa língua e no nosso dia-a-dia dia a dia, pois ela pode incluir a comunidade LGBTQIA+ e ser mais prático para portadores de deficiências ou transtornos. Para que a normalização aconteça, irá ser necessário algum tempo, já que nada se muda da noite para o dia (Evite esse tipo de construção), porém escolas e o governo deviam reconhecer como uma ideia benevolente para que sejam feitos programas e ensinamentos que mostrem como a aprovação do neutro é beneficente, ajudando assim a quebrar preconceitos que impedem a aceitação do pronome neutro como algo relevante. (Apresente todos os elementos da proposta de intervenção)

Comentários do corretor


As discussões são pertinentes, no entanto precisam ser exploradas com mais produtividade. Mantenha os aspectos positivos. Não deixe de exercitar a sua escrita. 


Competências avaliadas


Competência Nota Motivo
Domínio da modalidade escrita formal 160 Nível 4 - Demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita.
Compreender a proposta e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o texto dissertativo-argumentativo em prosa 200 Nível 5 - Desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo.
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações em defesa de um ponto de vista 160 Nível 4 - Apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, em defesa de um ponto de vista.
Conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação 200 Nível 5 - Articula bem as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos.
Proposta de intervenção com respeito aos direitos humanos 120 Nível 3 - Elabora, de forma mediana, proposta de intervenção relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto.
NOTA FINAL:     840


Veja abaixo a nota relacionada a cada nível
Nível 0 Nota 0
Nível 1 Nota 40
Nível 2 Nota 80
Nível 3 Nota 120
Nível 4 Nota 160
Nível 5 Nota 200


  • Facebook Brasil Escola
  • Instagram Brasil Escola
  • Twitter Brasil Escola
  • Youtube Brasil Escola
  • RSS Brasil Escola
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES