Whatsapp

Linguagem Neutra

Banco de Redações

Tema: Debate sobre a linguagem neutra

Redação enviada em 13/04/2022

PUBLICIDADE

A Linguagem Neutra tem o propósito de incluir todos os grupos na comunicação e apresenta propostas de alteração do idioma, como novas grafias. Alguns exemplos são:
- elu (ao invés de ele ou ela);
- todes (ao invés de todos);
- amigues (ao invés de amigos);
- meninx (ao invés de menino ou menina).
 (Não compreende a estrutura do texto)

Esses e outros termos são cada vez mais comuns nas redes sociais, sobretudo entre membros da comunidade LGBTQIA+ (Desenvolva a sigla). Contudo, essa questão divide opiniões entre os especialistas. Alguns especialistas defendem que a variedade masculina dos pronomes e dos artigos já abrange a neutralidade. Por exemplo, na frase “amanhã eles vão à praia bem cedo”, o pronome “eles” pode referir-se tanto a duas pessoas do gênero masculino quanto a uma pessoa do gênero masculino e outra do feminino.
Os defensores do uso da Linguagem Neutra acreditam essa forma de expressão contribui para:
- acolher, respeitar e valorizar a diversidade;
- lutar contra a intolerância de gênero e o machismo;
- identificar e visibilizar todos os gêneros, inclusive os neutros;
- não privilegiar um determinado grupo em detrimento de outros;
- causar uma reflexão sobre desigualdade de gênero em outras áreas além da língua.
- gerar reflexão sobre a desigualdade de gênero em outros âmbitos para além da linguagem.
 (Não compreende a estrutura do texto) 

(Melhore a estratégia coesiva) Um dos pontos levantados por quem é contra o uso da linguagem neutra é que as novas grafias tornam a comunicação repetitiva e longa. Dizer “todos e todas”, por exemplo, é redundante, visto que pode-se dizer apenas “todos” (Essa discussão precisa ser explorada com mais produtividade). Outro ponto que recebe críticas são as mudanças de grafia com “x” ou “y”, que dificultam a leitura.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

(Boa estratégia coesiva) Além disso, pessoas com deficiência visual que usam programas para ler textos seriam afetadas, pois os softwares não fazem a leitura de palavras escritas dessa forma (Explore esse argumento com mais produtividade). Da mesma maneira, a compreensão das palavras também poderia ser comprometida com a utilização do sufixo “-e” ou dos pronomes citados no início deste artigo. Falas ou textos que fazem uso desses termos podem ser mais complicados ou confusos para pessoas que não estão acostumadas ou não têm conhecimento. 

(Boa estratégia coesiva) Em suma, os argumentos contrários têm como base o fato do gênero masculino ser considerado neutro pelos órgãos que regulam os idiomas, como a Real Academia Espanhola e Academia Brasileira de Letras. Em outras palavras, como o masculino designa todos os gêneros, em teoria, nenhuma alteração seria necessária. No dia 28 de outubro de 2021, a Secretaria de Cultura publicou uma portaria que proíbe a utilização de linguagem neutra em projetos financiados pela Lei Rouanet. Além disso, concursos públicos e vestibulares, que exigem a utilização da norma culta da Língua Portuguesa, também não permitem o uso da linguagem neutra. (Não apresentou a proposta de intervenção)

Comentários do corretor


As discussões precisam ser exploradas de acordo com a estrutura do texto. Evite uma argumentação limitada. Apresente a proposta de intervenção. Não deixe de exercitar a sua escrita. 


Competências avaliadas


Competência Nota Motivo
Domínio da modalidade escrita formal 120 Nível 3 - Demonstra domínio mediano da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com alguns desvios gramaticais e de convenções da escrita.
Compreender a proposta e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o texto dissertativo-argumentativo em prosa 40 Nível 1 - Apresenta o assunto, tangenciando o tema ou demonstra domínio precário do texto dissertativo-argumentativo, com traços constantes de outros tipos textuais.
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações em defesa de um ponto de vista 120 Nível 3 - Apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, limitados aos argumentos dos textos motivadores e pouco organizados, em defesa de um ponto de vista.
Conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação 160 Nível 4 - Articula as partes do texto com poucas inadequações e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos.
Proposta de intervenção com respeito aos direitos humanos 0 Nível 0 - Não apresenta proposta de intervenção ou apresenta proposta não relacionada ao tema ou ao assunto.
NOTA FINAL:     440


Veja abaixo a nota relacionada a cada nível
Nível 0 Nota 0
Nível 1 Nota 40
Nível 2 Nota 80
Nível 3 Nota 120
Nível 4 Nota 160
Nível 5 Nota 200


  • Facebook Brasil Escola
  • Instagram Brasil Escola
  • Twitter Brasil Escola
  • Youtube Brasil Escola
  • RSS Brasil Escola
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES