Topo
pesquisar
Em 24/01/2012 15h00

Questão 14 - 3º dia - Segunda fase - Unicamp 2012

Correções de Provas

Por Oficina do Estudante

A anemia falciforme é uma doença genética autossômica recessiva, caracterizada pela presença de hemácias em forma de foice e deficiência no transporte de gases. O alelo responsável por essa condição é o HbS, que codifica a forma S da globina β. Sabe-se que os indivíduos heterozigotos para a HbS não têm os sintomas da anemia falciforme e apresentam uma chance 76% maior de sobreviver à malária do que os indivíduos homozigotos para o alelo normal da globina β (alelo HbA). Algumas regiões da África apresentam alta prevalência de malária e acredita-se que essa condição tenha influenciado a frequência do alelo HbS nessas áreas.

a) O que ocorre com a frequência do alelo HbS nas áreas com alta incidência de malária? Por quê?

b) O heredograma abaixo se refere a uma família com um caso de anemia falciforme. Qual é a probabilidade de o casal em questão ter outro(a) filho(a) com anemia falciforme? Explique.

Respostas

a) A frequência de HbS aumenta nas áreas com alta incidência de malária, pois os indivíduos que apresentam ao menos um alelo HbS se tornam mais resistentes a doença, e dessa forma são selecionados. A resistência à malária se deve a forma de foice da hemácia, impedindo que merozoíto do Plasmodium invada as hemácias, em seu ciclo vital no ser humano.

b) O casal em questão tem filhos afetados e normais, o que indica que eles são obrigatoriamente heterozigotos, tratando-se de uma doença autossômica recessiva. Portanto, com parentais HbS HbA, a chance de ocorrer HbS HbS é igual a zero.

BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Vestibular Brasil Escola