Em 13/12/2019 14h55 , atualizado em 13/12/2019 15h11

Melhores cursos de Direito do Brasil

Especial

Rankings levam em conta desempenhos na OAB e ENADE, qualidade do ensino, mercado de trabalho, entre outros critérios Por Silvia Tancredi
PUBLICIDADE

Considerado um dos cursos superiores mais tradicionais, Direito é o que tem mais alunos matriculados em faculdades brasileiras. Também é a carreira mais oferecida no país e com o maior número de vagas: estima-se que mais de 1,2 mil instituições de ensino ofereçam o curso. 

Mas, e com essa grande oferta, como descobrir quais são os melhores cursos de Direito do Brasil? O que deve ser levado com conta: a grade curricular ou a opinião dos universitários? É necessário conversar com professores? E com profissionais?

Primeiro, deve-se fazer uma pesquisa minuciosa, conhecendo a fundo a instituição de ensino e o curso. Em seguida, é interessante ver os rankings. Mas, antes de seguir listas aleatoriamente, investigue quais fatores foram avaliados, como, por exemplo, o desempenho dos alunos, os docentes, o mercado de trabalho e outros. 

Veja também: Medicina ou Direito?

Melhores cursos de Direito

Ranking da OAB

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) realiza rankings das melhores faculdades todos os anos baseando-se no desempenho dos estudantes nestes dois exames:

    • Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (ENADE): avalia a performance dos concluintes do curso, o desenvolvimento de competências e habilidades para formação profissional e a atualização dos estudantes em relação à realidade brasileira e mundial.

    • Exame de Ordem: a aprovação no Exame é obrigatória para jovens que querem atuar como advogados. Visto por alguns egressos do curso de Direito como exigente e cansativo, o Exame de Ordem avalia os inscritos em duas etapas: a primeira tem cem questões objetivas que abordam as 7 áreas do Direito; e a segunda, quatro questões discursivas e uma peça prático-profissional de alguma da área do curso, como, por exemplo, Direito Penal, Direito Administrativo, Direito Civil etc.

Essa análise criteriosa da OAB começou a ser feita na década de 1990, quando se constatou que, apesar de haver aumento no número de cursos de Direito no Brasil, muitos não tinham qualificação adequada. 

Levantamento do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) feito em 2012 apontou, por exemplo, que, de 853 cursos de Direito, apenas 304 obtiveram resultado esperado. Com isso, nesse ano, 38 faculdades tiveram seus cursos descontinuados. 

Para elencar as melhores faculdades de Direito, a OAB seleciona cursos que atenderam às exigências para participar da pesquisa. Em 2018, foram 1.212. Desse total, somente 161 foram premiados com o Selo OAB Recomenda, criado em 2001. 

10 melhores faculdades de Direito de 2018, segundo a OAB¹

    1. Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA), em Mossoró (CE)
    2. Universidade Federal Fluminense (UFF), em Volta Redonda (RJ)
    3. Universidade de São Paulo (USP), em Ribeirão Preto (SP)
    4. Fundação Universidade Federal de Viçosa (UFV), em Viçosa (MG)
    5. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp), em Franca (SP)
    6. Escola de Direito do Rio de Janeiro da Fundação Getúlio Vargas (FGV)
    7. Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
    8. Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio)
    9. Universidade Federal do Piauí (UFPI)
    10. Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)

Leia também: profissões para quem gosta de ler e escrever

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Ranking Folha (RUF)

O jornal Folha de São Paulo também costuma fazer rankings de cursos. No caso do Direito, são avaliados itens como qualidade do ensino, mercado de trabalho, docentes da instituição e proporção de professores que se dedicam integral ou parcialmente às aulas. Essa pesquisa também leva em conta o exame da OAB. 

Segundo dados do Ranking Universitário da Folha (RUF), das mais de mil instituições de ensino que oferecem cursos de Direito, somente 51 aprovaram no Exame de Ordem pelo menos metade dos seus alunos. 

10 melhores faculdades de Direito, segundo ranking da Folha de SP

    1. Universidade de São Paulo (USP) 
    2. Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
    3. Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas (FGV)
    4. Universidade de Brasília (UnB)
    5. Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
    6. Universidade Federal do Paraná (UFPR)
    7. Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
    8. Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
    9. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP)
    10. Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ)

Curso de Direito

O primeiro curso de Direito oferecido no Brasil iniciou suas aulas em 1828, no Largo do São Francisco, em São Paulo, onde atualmente funciona o curso de Direito da USP.

A carreira é ministrada em cinco anos e conta com disciplinas gerais que desenvolvem conhecimento de aspectos sociológicos, filosóficos, antropológicos, econômicos e culturais.

Durante o curso de Direito, os alunos veem disciplinas específicas, que posteriormente podem ser aprofundadas em pós-graduações, tais como Direito Administrativo, Direito Empresarial, Direito Penal, Direito Tributário, Direito Internacional, entre outras. 

O mercado de trabalho é amplo. O egresso do curso pode atuar como advogado, procurador, auditor, delegado, juiz, entre outros cargos. Além disso, grande parte das vagas oferecidas em concursos públicos destina-se a graduados em Direito. 

O ingresso no curso de Direito é feito por vestibulares, notas do Enem, ou programas do governo, como o SiSU ou ProUni. As vagas das universidades públicas são as mais procuradas. 

¹Média de aprovação dos exames realizados entre 2016 e 2018

BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES