Em 09/01/2019 16h08 , atualizado em 11/01/2019 11h42

FIES 2019: confira o cronograma para o primeiro semestre

Notícias

Nesta edição, o Fies ofertará 100 mil oportunidades para estudantes que tenham feito Enem Por Thaís Dutra
Só poderão se inscrever candidatos que tenham feito o Enem a partir de 2010
Só poderão se inscrever candidatos que tenham feito o Enem a partir de 2010
PUBLICIDADE

O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e Programa de Financiamento Estudantil (P-Fies) receberão inscrições entre os dias 5 e 12 de fevereiro de 2019. O cronograma do Edital do Fies 2019 foi publicado pelo Ministério da Educação (MEC) no Diário Oficial da União nesta quarta-feira, 9 de janeiro.

As inscrições serão feitas exclusivamente pela internet, no Sistema de Seleção do Fies. Só poderão se inscrever candidatos que tenham feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010 e tenham obtido média aritmética das notas nas provas igual ou superior a 450 pontos e nota superior a zero na redação.

 

Outro pré-requisito é a renda familiar bruta mensal. Para concorrer às vagas do Fies, a renda deverá ser de até três salários mínimos, e P-Fies, de até cinco salários mínimos.

Além disso, os candidatos deverão informar no momento da inscrição:

  • CPF
  • Data de nascimento
  • E-mail
  • Nomes dos membros do grupo familiar e o CPF dos que possuem mais de 14 anos, assim como data de nascimento e a renda bruta mensal de cada pessoa
  • Parâmetros que definem o grupo de preferência
  • A ordem de prioridade das três opções de curso, turno e local de oferta

 

Além disso, os estudantes também deverão selecionar a região, mesorregião, curso e conceito do curso atribuído pelo Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes), aréa e subárea de conhecimento. Após informar a primeira opção e o grupo de preferência, o candidato poderá indicar, em ordem de prioridade, mais duas opções de curso, turno e local.

Vagas e condições de financiamento

Os estudantes que optarem pelo Fies deverão comprovar renda familiar bruta mensal por pessoa de até R$ 2.994, de acordo com o valor do salário mínimo de 2019, que é de R$ 998. Nesta modalidade de financiamento, os contemplados não pagarão juros, apenas correção da inflação. Ao todo, são ofertadas 100 mil vagas. 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

No caso do P-Fies, os interessados deverão comprovar renda familiar bruta mensal por pessoa de até R$ 4.990 e os juros variam de acordo com a instituição financeira. Nesta modalidade não há limite de vagas. Serão contemplados os estudantes que assinarem o contrato primeiro. 

Leia mais: Enem, SiSU, ProUni e FIES – entenda a diferença

Cursos prioritários

Em novembro ano passado, o MEC informou quais seriam os cursos prioritários para 2019. O documento publicado no Diário Oficial determina que as mesorregiões com menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) tenham prioridade na oferta de financiamentos. A medida beneficia principalmente instituições localizadas nas regiões Norte e Nordeste.

Com 60% das vagas, o Fies 2019 priorizará os cursos de Medicina e outros da área de Saúde, Engenharia, Computação, Licenciaturas e Pedagogia.

Instituições de ensino superior com conceito 5 no Sinaes continuarão recebendo mais vagas. Faculdades com conceito 5 ficarão com 35% das oportunidades; conceito 4, com 30%; e conceito 3, com 25%. Cursos recém-autorizados terão apenas 10% dos financiamentos.

Resultado

Ainda segundo o Edital, o resultado da pré-seleção do primeiro semestre será divulgado em 18 de fevereiro. No caso do Fies, haverá uma chamada única e uma lista de espera, enquanto na modalidade P-Fies terá apenas a chamada única.

Relacionados
Falta apenas um dia para o resultado do Enem 2018. As notas serão liberadas amanhã, 18 de janeiro, na Página do Participante e, como já é tradição, o Brasil Escola divulgará o resultado do Enem 2018, em tempo real.
Visando aumentar o número de contratos do P-FIES em 2019, o MEC promoveu uma mudança na modalidade. Agora, a média no Enem não será mais usada para fins de classificação, mas apenas como um requisito.
Veja o que fazer na semana que antecede o resultado do Enem 2018. Milhões de estudantes terão acesso às notas na sexta-feira da próxima semana, 18 de janeiro, pontuação que estará disponível no site do Enem, pela página do Participante, e também poderá ser consultado aqui no Brasil Escola.
O Ministério da Educação (MEC) publicou no Diário Oficial da União uma portaria com as regras do processo seletivo do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e P-Fies, referente ao primeiro semestre de 2019.
Com previsão de 310 mil vagas, o Novo FIES terminou 2018 com menos de 85 mil contratos fechados. É o pior desempenho do programa desde 2010. No ano passado, foram ocupadas 175 mil vagas pelo Fundo de Financiamento Estudantil, mais que o dobro do registrado esse ano.
O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) 2019 terá oferta de 100 mil vagas anuais para a modalidade com juros zero. A informação faz parte de uma resolução publicada no Diário Oficial da União (D.O.U) desta sexta-feira, 23 de novembro. 
O Ministério da Educação (MEC) publicou na edição de hoje, 20 de novembro, do Diário Oficial da União as regras do Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) e do Programa de Financiamento Estudantil (P-FIES) para 2019.
Entenda como funciona e saiba como acessar o Sistema Fies. Para se inscrever, renegociar parcelas, aditar contratos ou outras atividades relativas ao Fies, o estudante precisa conhecer cada parte do Sistema Fies.
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES