Topo
pesquisar
Em 26/02/2019 18h09, atualizado em 01/03/2019 14h41

Atualidades Vestibular e Enem - fevereiro de 2019

Atualidades

Crise na Venezuela, incêndio em alojamento do Flamengo e Reforma da Previdência são alguns assuntos que dominaram os noticiários neste mês Por Silvia Tancredi
PUBLICIDADE

Além das disciplinas tradicionais, os vestibulares e o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) costumam cobrar nas provas temas da atualidade. O Brasil Escola preparou uma lista de alguns dos temas que foram destaque no mês de fevereiro de 2019.

Para saber mais sobre cada tema, basta clicar nos hiperlinks e acessar as reportagens dos portais Folha de São Paulo, UOL, Estadão, Agência Brasil, além de artigos do Brasil Escola.

Mundo

Crise na Venezuela

A crise na Venezuela tomou proporções ainda maiores no mês de fevereiro. A população está com fome pela escassez de alimentos, o sistema de saúde é quase inexistente, faltam medicamentos, a criminalidade só aumenta e cidadãos continuam fugindo do país.

Esta reportagem do jornal Estadão mostra que mais de 1,1 milhão de venezuelanos deixaram o país para irem à Colômbia. A publicação apresenta ainda que 280 mil foram ao Peru, 99 mil ao Equador e 57 mil para o estado de Roraima, no Brasil. 

Saiba mais sobre a imigração venezuelana para o Brasil 

No dia 21 de janeiro, o presidente Nicolás Maduro optou por fechar a fronteira da Venezuela com o Brasil para evitar ajuda humanitária. O político tomou essa decisão depois de a oposição venezuelana iniciar uma operação de entrega de mantimentos enviados pelos Estados Unidos com ajuda brasileira e colombiana.

Dois dias depois, no sábado 23, a oposição venezuelana tentou liberar a entrada de 900 toneladas de ajuda humanitária enviada pelos EUA ao país. Maduro rejeitou a oferta e anunciou que receberia outras 300 toneladas enviadas pela Rússia. 

Atualmente, 14 países apoiam Maduro e 52 a Juan Guiadó, que é do partido Popular e se declarou presidente interino da Venezuela, gesto reconhecido por cerca de 50 países, entre eles Brasil, Colômbia e EUA. 

No dia 26 de janeiro, o Grupo de Lima, formado por 14 países da América Latina, para tentar resolver o conflito da Venezuela, reuniu-se na capital do Peru. O vice-presidente Hamilton Mourão representou o Brasil. 

Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, já havia dito no ano passado que não descartaria a possibilidade de intervenção militar na Venezuela. No dia 25 de fevereiro, na reunião do Grupo de Lima, o vice-presidente dos EUA, Mike Pence, reforçou a ameaça de ação militar de Trump. Também no final de fevereiro, um ex-diretor do FBI afirmou que Trump só está interessado no petróleo da Venezuela.

Confira os riscos para o Brasil de uma ação militar para a Venezuela

Diversidade no Oscar 

A cerimônia do Oscar, realizada no domingo 24 de fevereiro, marcou pela diversidade. Nesta edição, aumentou o número de indicações e premiações para mulheres e atores negros. Do total de artistas ganhadores, 15 foram mulheres e sete, negros. 

O filme Green Book – o guia ganhou o Oscar de melhor filme. A produção trata da amizade de um artista negro e um motorista branco. Outros longas tiveram negros como destaque, entre os quais Pantera Negra e Infiltrados em Klan, que faz referência ao grupo terrorista norteamericano Ku Klux Klan, e trabalha o tema racismo

Leia também: Stephen Hawking e outras personalidades retratadas em filmes cujos atores ganharam o Oscar

Brasil

Incêndio no Flamengo

Enterro do jogador Christian Esmerio no dia 10 de janerio

Às 5h17 do dia 8 de fevereiro, o alojamento do Centro de Treinamento do clube de futebol Flamengo, conhecido como Ninho do Urubu, no Rio de Janeiro, pegou fogo. Dez jogadores da base do clube morreram e três ficaram feridos. A principal hipótese é que incêndio ocorreu por causa de um problema no sistema de ar-condicionado do alojamento. 

Os principais clubes de futebol do mundo e atletas se solidarizaram com a tragédia e enviaram mensagens de apoio aos familiares das vítimas e ao clube. 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, afirmou no dia 24 de fevereiro que a intenção do clube é de indenizar as famílias dos dez adolescentes mortos no incêndio com valores na casa do dobro do verificado na jurisprudência de casos semelhantes, objeto de decisão no Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Morte do jornalista Ricardo Boechat

No dia 11 de fevereiro, um helicóptero caiu sobre um trecho do Rodoanel que dá acesso à rodovia Anhanguera, na zona oeste de São Paulo, matando o jornalista e apresentador Ricardo Boechat e o piloto. 

Um dos principais nomes do jornalismo brasileiro, Boechat, de 66 anos, trabalhava no Jornal da Band, na TV Bandeirantes, e na rádio Band News, cujo programa havia apresentado horas antes do acidente. 

Reforma da previdência

No dia 20 de fevereiro, o presidente Jair Bolsonaro entregou ao Congresso a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da reforma da Previdência, sua principal promessa de governo.

A proposta estabelece idades mínimas de aposentadoria de 65 anos para homens e 62 para mulheres e fixa um mínimo de 20 anos de contribuição. O objetivo, segundo o governo, é conter o rombo nas contas públicas.

Entenda 4 pontos polêmicos da Reforma da Previdência

Criminalização da homofobia

No dia 13 de fevereiro o Supremo Tribunal Federal (STF) começou a julgar se a discriminação de gays, lésbicas e trans deve ser tratada como crime. O STF analisa dois processos que podem tornar a homofobia crime e também vai decidir se o Congresso tem sido omisso ao não legislar sobre o tema.

Leia mais: vamos tratar os gays ou os homofóbicos?

Ministro demitido

No dia 18 de fevereiro, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) demitiu o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gustavo Bebianno. O cargo foi assumido pelo secretário-executivo da pasta, general Floriano Peixoto.

A demissão ocorreu depois que reportagens da Folha de S. Paulo apresentaram que Bebianno, quando era presidente do PSL durante a campanha eleitoral, teria autorizado o repasse de verbas do fundo partidário para uma candidata "laranja" em Pernambuco com o suposto apoio de Luciano Bivar, atual presidente da sigla.

Violência contra a mulher

Pesquisa aponta que  536 mulheres são agredidas por hora no Brasil

Na madrugada do dia 17 de fevereiro, Elaine Caparroz, de 55 anos, no Rio de Janeiro, foi espancada durante quatro horas por um rapaz que conheceu na internet. A mulher ficou desfigurada e teve que ser encaminhada ao hospital em caráter de emergência. 

Pesquisa do Fórum Brasileiro de Segurança Pública divulgada no dia 26 de fevereiro mostrou que mais de 16 milhões de mulheres brasileiras sofreram algum tipo de violência em 2018. O levantamento conclui que 536 mulheres são agredidas por hora. 

Confira também: casos de feminicídio no Brasil 

1 mês do acidente em Brumadinho

O acidente ocorrido em Brumadinho, na região metropolitana de Minas Gerais, completou um mês no dia 25 de fevereiro. Famílias seguem em luto e cobram de autoridades que desaparecidos sejam encontrados

Relembre: no dia 25 de janeiro, a barragem de rejeitos de minérios de ferro da mina do Córrego do Feijão, da mineradora Vale, em Brumadinho, se rompeu e liberou uma montanha de lama, atingindo o refeitório e prédio da mineradora, pousada, casas, vegetação e rios, deixando mais de 300 vítimas entre mortos e desparecidos.

Até o momento, a tragédia de Brumadinho conta com mais de 170 mortos e mais de 130 desaparecidos

Veja como o acidente de Brumadinho pode ser abordado em vestibulares e no Enem

BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola