Topo
pesquisar
Em 30/04/2019 16h11, atualizado em 02/05/2019 15h06

Atualidades Enem e Vestibulares – Abril de 2019

Atualidades

Incêndios, enchentes, desabamentos e atentados terroristas marcaram o mês de abril no Brasil e no mundo Por Giullya Franco
Histórica Catedral de Notre-Dame foi tomada pelo fogo. Créditos: Loic Salan/Shutterstock
Histórica Catedral de Notre-Dame foi tomada pelo fogo. Créditos: Loic Salan/Shutterstock
PUBLICIDADE

O mês de abril foi repleto de acontecimentos marcantes no Brasil e no Mundo. Tragédias naturais e outras causadas pelo homem deixaram consequências graves na natureza, em patrimônios históricos e vítimas fatais. É comum que alguns vestibulares do país e, principalmente, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) cobrem em suas provas temas relacionados aos assuntos que mais repercutiram nos noticiários. Por isso, o Brasil Escola separou ou principais acontecimentos de abril de 2019 para ajudar quem está se preparando para os exames.

Para conferir a informações completas das notícias que virão abaixo é só clicar nos links e acompanhar a cobertura dos portais UOL, Agência Brasil, Folha de São Paulo e outros.

Mundo

Incêndio na Catedral de Notre-Dame 

Um incêndio de grande proporção e causas desconhecidas atingiu a histórica Catedral de Notre Dame, no dia 15 deste mês. Notre-Dame é o monumento mais visitado da França e é Patrimônio Mundial da Humanidade desde 1991.

Conheça a história da Catedral de Notre-Dame

O templo começou a ser construído em 1163 e teve sua inauguração em 1345. Foi palco de cerimônias importantes da história, como as coroações do Rei Henrique VI durante a Guerra dos Cem Anos, em 1431, Napoleão Bonaparte, em 1804, e da beatificação de Joana D'Arc, em 1909.

As chamas tiveram início na parte superior da catedral e, aproximadamente, uma hora após o início do incêndio, o pináculo desabou. Essa torre em formato de flecha ficava no topo da catedral e estava passava por reformas. O pináculo tinha 93 metros de altura e era composto por 500 toneladas de madeira e 250 toneladas de chumbo.

Incêndio: veja o antes e depois da Catedral de Notre Dame

De acordo com o ministro da Cultura da França, Franck Riester, alguns dos tesouros que ficavam na catedral foram salvos, porém as autoridades ainda estão avaliando os danos causados na estrutura da catedral.

Entre os bens que foram salvos estão a coroa de espinhos feita de junco e fios de ouro, assim como uma túnica do rei da França, Luís 9, que foi canonizado como São Luís. Fragmento da Cruz e um prego da Paixão de Cristo e alguns cálices e quadros pequenos também foram recuperados e levados para a Prefeitura de Paris.

Veja o que foi salvo no incêndio da Catedral de Notre-Dame

Além desses objetos de valor histórico, na semana anterior ao incêndio, pela primeira vez em um século, 16 estátuas em cobre foram removidas da catedral para serem limpas e também escaparam das chamas.

As causas do incêndio continuam desconhecidas e as autoridades francesas têm tratado o caso como um 'acidente', descartando a possibilidade de atentado terrorista.

Prisão do fundador do WikiLeaks

Refugiado há quase sete anos na embaixada do Equador em Londres, Julian Assange, fundador do WikiLeaks, foi preso no dia 11 de abril. O caso de Julian ficou conhecido no mundo inteiro quando, em 2010, o WikiLeaks publicou milhares de documentos das Forças Armadas norte-americanas sobre a guerra do Afeganistão e Iraque, além de comunicados diplomáticos. O programador foi acusado pelos EUA de conspiração por tentar acessar dados confidenciais de um computador do governo americano.

Desde 2012, ele recebia abrigo do Equador para evitar sua extradição a Suécia, onde também era acusado por crimes sexuais e temia que o país o entregasse para os EUA. Entretanto, o presidente equatoriano, Lenín Moreno, resolveu tirar o asilo diplomático de Assange alegando que ele violou o acordo do protocolo de convivência, tendo uma conduta desrespeitosa.

O governo do Equador informou que Assange teria instalado equipamentos eletrônicos não permitidos, bloqueado as câmeras de segurança da Missão Equatoriana em Londres e agredido seguranças da sede diplomática. Além disso, também interveio em assuntos internos de outros estados, vazando documentos do Vaticano este ano.

Veja mais: Presidente do Equador atribui prisão de Assange a violação de acordo

A prisão de Assange dividiu opiniões pelo mundo, com muitos destacando o acontecimento, enquanto outros criticam que a prisão dele viola a liberdade de informação.

Primeira imagem real de um Buraco Negro

Primeiro imagem de um buraco negro
Imagem real do buraco negro localizado na galáxia M87
Crédito: Event Horizon Telescope collaboration et al.

A primeira imagem de um buraco negro no universo foi divulgada no dia 10 de abril. A descoberta foi do telescópio Event Horizon, que é uma colaboração internacional responsável por criar uma espécie de telescópio virtual que combinava comprimentos de onda de diversos telescópios pelo globo. 

Foram envolvidos 200 pesquisadores e oito telescópios de rádio interligados durante todo o projeto com o objetivo de capturar a imagem do buraco negro.

Um considerado como um buraco negro uma região do espaço que exibe efeitos gravitacionais tão fortes que impossibilitam que qualquer coisa possa escapar de dentro dele, sendo sugados.

Entenda o que é um buraco negro

Por muitas vezes os buracos negros eram retratados em imagens ou animações, mas esta foi a primeira vez que uma imagem real foi captada.

Ataques terroristas no Sri Lanka

No domingo de Páscoa, atentados terroristas deixaram mais de 250 mortos e 500 feridos no Sri Lanka. O principal alvo foi a Igreja de São Sebastião, em Negombo, no oeste do país, onde religiosos se reuniam para festejar a data. Os restaurantes dos hotéis de luxo também foram alvos das explosões das bombas nas cidades de Colômbo e Batticaloa.

Dois dias após os ataques o Estado Islâmico chegou a reivindicar a autoria do atentado, afirmando que o alvo era cristãos e cidadãos de países que bombardeiam os territórios ocupados por eles. Porém, dias depois as autoridades acusaram o grupo extremista National Thowheed Jama'ath (NTJ) de cometer o atentado. A motivação seria uma reação ao atentado na Nova Zelândia contra mesquistas islâmicas

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Após os ataques, o Sri Lanka está com uma política de prevenção. O país está com toque de recolher noturno, bloqueou todas as redes sociais locais e proibiu as pessoas de circulem por vias públicas com os rostos cobertos, como os véus islâmicos. As missas também foram suspensas.

Veja mais: Bloqueio das redes sociais no Sri Lanka gera temor sobre liberdade de expressão

Suicídio de ex-presidente do Peru

Alan García, ex-presidente do Peru, morreu no dia 17 após atirar contra a própria cabeça ao receber ordem de prisão da polícia. O ex-presidente foi levado ao hospital onde sofreu três paradas cardíacas e não resistiu. Ele foi presidente do Peru entre 1985 e 1990 e de 2006 a 2011. García era investigado por supostamente ter recebido propina da construtora brasileira Odebrecht. 

Brasil

Temporal no Rio de Janeiro

Uma forte chuva atingiu o Rio de Janeiro na noite do dia 8 de abril e deixou a cidade em estado de emergência. Foi a maior chuva em 22 anos na cidade e 10 pessoas morreram. Sete das vítimas foram mortas na Zona Sul, entre elas a avó e a neta e o motorista de táxi que foram soterrados na Avenida Carlos Peixoto, em Botafogo. No Morro da Babilônia um deslizamento de terra matou duas irmãs, que eram vizinhas e um homem que teria ido resgatá-las. As outras três mortes ocorreram na Zona Oeste.

Táxi que levava avó e neta fica soterrado em Botafogo.
Crédito: Taís Vilela/UOL

Saiba quem são as vítimas do temporal no Rio

Pela quarta vez, desde que foi inaugurada em 2016, a ciclovia Tim Maia, na Avenida Niemeyer, caiu e dezenas de ruas foram bloqueadas. Com o risco de queda de barreiras, dezenas de sirenes foram acionadas na capital.

O Rio entrou em estágio de atenção às 18h35 da segunda-feira e às 20h55 foi para o estágio de crise, considerado o mais grave de três níveis de risco, de acordo com o Alerta Rio, sistema da Prefeitura do Rio de Janeiro. De acordo com a Defesa Civil foram realizadas mais de 1,7 mil ocorrências.

Veja fotos dos desastres causados pelo temporal

Devido aos estragos e ao risco de mais chuva, a prefeitura e o estado determinaram o cancelamento das aulas nas escolas públicas e particulares. Universidades também cancelaram as aulas.

Desabamento de prédios em Muzema

No dia 12 dois prédios localizados na comunidade da Muzema, na Zona Oeste do Rio, desabaram deixando 24 mortos. Um prédio possuía cinco andares e outro três, com quatro aparatamentos em cada. 

De acordo com a Prefeitura do Rio de Janeiro, os prédios eram irregulares e ficavam em área de milícias, dificultando a chegada de fiscais. Em 2018, a construção já havia sido interditada. Porém, mesmo com a construção não autorizada pelos órgãos fiscalizadores e com a região sendo uma Área de Proteção Ambiental (APA) ela continuou.

 

Veja a ordem cronológica das interdições

A tragédia deixou 24 mortos e apenas sete sobreviventes. A última vítima, Adilma Ramos Rodrigues, de 35 anos, faleceu no dia 22. Ela era casada com o pastor Cláudio Rodrigues, de 40 anos, que foi a primeira vítima do desabamento.

Conheça as vítimas do desabamento

A prefeitura informou que 16 prédios vizinhos aos que desabaram vão ser demolidos e que a ação será cuidadosa para não prejudicar os prédios que ainda estão ocupados ao lado.

Exército atira contra família por engano

Uma família que estava a caminho de um chá de bebê teve o carro metralhado por militares do Exército, em Guadalupe, zona oeste do Rio de Janeiro, no dia 7. Foram mais de 80 tiros. A atitude terminou na morte do motorista, o músico Evaldo Rosa dos Santos, e do catador de materiais recicláveis Luciano Macedo, que estava passando na hora e tentou ajudar a família. O sogro do motorista também foi ferido. Já a mulher, o filho de 7 anos, e a outra ocupante do carro não tiveram ferimentos.

Veja mais: Delegado diz que tudo indica que Exército metralhou carro por engano no Rio

Inicialmente, o Exército afirmou que os militares responderam à agressão e atiraram contra o carro de criminosos, mas a família, afirmou que a vítima não tinha qualquer envolvimento com o crime. Após a contestação da família sobre a versão dada pelo Exército, a instituição recuou e mandou prender 10 dos 12 militares envolvidos.

Permanecem detidos nove militares, que em depoimento unânime, disseram que, minutos antes, os militares haviam trocado tiros com um veículo de características similares, no bairro de Guadalupe.

As investigações do caso serão conduzidas pelo próprio Exército, com base em uma lei de 2017 sancionada pelo então presidente Michel Temer (MDB), que diz que crimes dolosos contra a vida, cometidos por militares das Forças Armadas, serão investigados pela Justiça Militar da União.

Fim do Horário de Verão

Adotado pelo Brasil pela primeira vez em 1931 e definido como permanente a partir de 2008, o Horário de Verão chegou ao fim. O presidente Jair Bolsonaro assinou no dia 25 o decreto que encerra com o horário.

O Horário de Verão tinha o objetivo de economizar energia e aproveitar o maior período de luz solar durante os meses mais quentes do ano. O presidente informou que a decisão foi tomada após estudos mostrarem que não há mais razão para mantê-lo, em consequência das mudanças no consumo de energia que ocorreram nos últimos anos.

BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola