Whatsapp
Em 27/08/2018 14h33 , atualizado em 27/08/2018 14h59

Nordeste ganha quase 80% das medalhas na Olimpíada Nacional de História 2018

Notícias

Mais de 57 mil estudantes se inscreveram na 10ª edição da competição, que ocorreu nos dias 18 e 19 de agosto na Unicamp Por Silvia Tancredi
Mais de 1,2 mil estudantes participaram da ONHB 2018
Mais de 1,2 mil estudantes participaram da ONHB 2018
PUBLICIDADE

Mais de 1,2 mil estudantes de 11 estados participaram da final da 10ª Olimpíada Nacional em História do Brasil (ONHB) nos dias 18 e 19 de agosto na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), em São Paulo. 

Na premiação foram distribuídas 75 medalhas. Desse total, 59 foram para jovens da região Nordeste. Entre os estados, destaca-se a participação do Ceará, que, nesta edição, foi agraciado com 25 medalhas.

Veja também: Conheça brasileiros medalhistas de ouro na Olimpíada de Matemática da Ásia

Lia de Andrade, de 17 anos, do Ceará, ganhou medalha de ouro junto com sua equipe. Para ela, a experiência foi ótima porque tanto ela quanto os participantes puderam adquirir consciência histórica, importante para entender a vida atual.

“Foi incrível participar do evento com pessoas de todo o Brasil, pela experiência e porque, mesmo sendo alunos, nos trataram como historiadores mesmo”, comemora a jovem.

A estudante já está pensando na hora do vestibular. “Ainda estou analisando qual curso é minha cara, mas tenho certeza que é um da área de humanas”, acredita.

Lia e equipe ganharam medalha de ouro na ONHB 2018

ONHB 2018

Puderam participar da competição equipes formadas por um professor e três alunos matriculados nos 8º e 9º anos do ensino Fundamental e todos os anos do Ensino Médio.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

No total, a 10ª Olimpíada Nacional em História do Brasil contou com mais de 57 mil inscritos.  As equipes passaram por seis etapas de provas online com duração de uma semana cada. Já na final, foi necessário passar por uma prova dissertativa. 

Confira também: temas de história que caem no Enem

“Os alunos trouxeram reflexões relevantes sobre os temas propostos na redação da final, como a composição do Congresso Nacional e a importância das eleições para a saúde da democracia. Estamos satisfeitos com um projeto que já tem uma estrutura e tende a crescer cada vez mais”, afirma a coordenadora da ONHB, Cristina Meneguello.

Veja a distribuição de medalhas por estado

Acre: 1 medalha (1 prata)
Bahia: 4 medalhas (3 bronze, 1 prata)
Ceará: 25 medalhas (11 bronze, 9 prata e 5 ouro)
Minas Gerais: 1 medalha (1 prata)
Pará: 1 medalha (1 bronze)
Paraíba: 2 medalhas (1 bronze, 1 prata)
Pernambuco: 15 medalhas (6 bronze, 5 prata, 4 ouro)
Rio de Janeiro: 2 medalhas (2 bronze)
Rio Grande do Norte: 13 medalhas (7 bronze, 5 prata e 1 ouro)
Rio Grande do Sul: 1 medalha (1 prata)
São Paulo: 10 medalhas ( 4 bronze, 1 prata e 5 ouro)

Relacionados
O Blog da Redação desta semana discute as possibilidades e prazeres da área de Humanas. Conheça os cursos e profissões para quem se identifica!
Com duas medalhas de ouro e duas de prata, cinco estudantes brasileiros trouxeram para o país o prêmio de 3ª melhor equipe mundial conquistado na Olimpíada Internacional de Economia (IEO – International Economics Olympiad), realizada em Moscou/Rússia, de 14 a 22 de setembro. 
As olimpíadas escolares podem ser uma forma de prepara para grandes vestibulares e para o Enem.
Saiba como participar de Olimpíadas Científicas ou Escolares. Descubra como participar das olimpíadas de Matemática, História, Geografia, Astronomia, Biologia, Física, Química e Língua Portuguesa no Brasil. Como se inscrever, como são as provas e muito mais.
Qual a receita para mandar bem em olimpíadas científicas? Segundo Robson e Lucas, ganhadores de medalhas de ouro na Olimpíada Internacional de Matemática da Ásia (AIMO) 2018, as dicas são simples e práticas. 
Mestranda da PUC-Rio criou projeto Matemática para Garotas ao perceber pouca presença de meninas nas olimpíadas escolares de matemática.
Saiba como o vencedor da Olimpíada Internacional de Matemática (IMO) 2018 usou a internet para estudar para a competição. Medalha de ouro para o Brasil, Pedro Lucas Sponchiado, de 17 anos, complementou o conteúdo visto em sala de aula com material disponível online.
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES