Topo
pesquisar
Em 06/09/2018 07h00, atualizado em 05/09/2018 14h27

Medalhista em Olimpíada Internacional de Matemática dá dicas de como usar a internet para os estudos

Notícias

Pedro Lucas Sponchiado usou materiais gratuitos disponíveis online para complementar o conteúdo da sala de aula. Por Lorraine Vilela Campos
Estudantes brasileiros conquistaram uma medalha de ouro, quatro de bronze e menção honrosa
Estudantes brasileiros conquistaram uma medalha de ouro, quatro de bronze e menção honrosa
PUBLICIDADE

A internet é muito importante para a rotina de estudos de alunos de todas as idades. Por meio de vídeos, simulados online, sites com conteúdo escolar e outras ferramentas, estudantes estão conseguindo aumentar o conhecimento aprendido em sala de aula. Um exemplo de que usar a internet para estudar rende bons resultados é a medalha de ouro conquistada na Olimpíada Internacional de Matemática (IMO) 2018 pelo estudante Pedro Lucas Lanaro Sponchiado, de 17 anos. 

Leia também: Use a internet a seu favor no Vestibular

Apaixonado por Matemática, Pedro ingressou no mundo das olimpíadas escolares no 6º ano do ensino fundamental. “Eu gostei bastante de participar da Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM) e comecei a estudar mais sério para ela no 7º ano”, conta. Em seu segundo ano como competidor da OBM, ele conquistou sua primeira medalha de ouro.

Professor diz que não é preciso ser Nerd para se dar bem em Matemática

A OBM é fundamental para os estudantes que participam de competições de Matemática. No caso da IMO, por exemplo, somente os premiados na olimpíada brasileira são selecionados para a Olimpíada Internacional de Matemática.

“Se você se interessa pela Matemática, há muitos materiais para estudar na internet e, se você continuar nesse caminho e colocar esforço nele, você não se arrependerá”, Pedro Lucas Sponchiado - medalha de ouro na IMO 2018

Foi na preparação para a OBM, ainda no ensino fundamental, que Pedro passou a usar a internet como uma de suas ferramentas de estudo. O paulista acessava conteúdos de revistas voltadas para a competição e as provas de anos anteriores, material gratuito disponível no site da própria OBM. Além disso, o estudante também aprendeu bastante assistindo vídeos no YouTube que ensinam Matemática para competições. 

Preparação para a IMO

Pedro Sponchiado

A internet tornou-se ainda mais importante na vida de Pedro Sponchiado no ensino médio. O estudante complementa os conteúdos vistos nas aulas do colégio Etapa, as quais ele frequenta nos períodos da manhã e da tarde, com tutoriais online com ex-participantes de olimpíadas de matemática, simulados, resolução de exercícios de edições anteriores e estudos em grupo com os amigos. 

Para a IMO, os estudos foram mais intensos, principalmente nas semanas que antecederam o evento. “Depois que comecei a me preparar mais para a IMO, passei a usar a internet para pegar provas anteriores e materiais de várias fontes, principalmente pelo AoPS, que é um fórum de olimpíadas de matemática de todo o mundo”, destaca Pedro.

Confira: Medalhistas em Olimpíada Internacional de Matemática dão dicas de estudo

A internet não é apenas um meio de estudo para Pedro. As redes sociais estão presentes na rotina do estudante, mesmo em época de competições. “Descansa a mente”, relata Pedro. 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Em seu tempo livre, o medalhista da IMO também gosta de ler, ir ao cinema, passear com os amigos e tocar piano. “O lazer também é importante para a preparação, para não ficar sobrecarregado”, afirma.

  • Como foi a IMO? 

A Olimpíada Internacional de Matemática (em inglês, International Mathematics Olympiad) 2018 foi realizada no mês de julho, na Romênia. A competição contou com a participação de 594 estudantes de 107 países. No ranking desta 59ª edição da IMO, o Brasil ficou em 28º lugar.

Veja também: Olimpíadas escolares podem ajudar nos estudos para o Enem e Vestibulares

Além do ouro conquistado por Pedro Lucas Sponchiado, outros integrantes da equipe brasileira ganharam bronze: Bruno Brasil Meinhart, Bernardo Peruzzo Trevizan, Pedro Gomes Cabral e André Yuji Hisatsuga. Também houve uma menção honrosa ao estudante Lucas Hiroshi Hanke Harada. Os alunos foram liderados pelos professores Regis Prado Barbosa e Armando Barbosa Filho.

No total, os participantes da IMO resolvem seis problemas matemáticos (três em cada dia) dentro de um tempo estipulado pela organização. 

Como estudar usando a internet?

Com base na preparação do medalhista Pedro Lucas Sponchiado, confira abaixo algumas dicas de como estudar usando a internet!

=> Procure dicas sobre os conteúdos das disciplinas em sites especializados como o Brasil Escola;

=> Use o youtube para tutoriais e videoaulas;

=> Leia e refaça provas anteriores (pode ser de vestibulares, Enem ou até mesmo das competições escolares);

=> Faça simulados online e veja em quanto tempo consegue resolver as questões (acesse aqui simulados de vestibulares ou do Enem);

=> Procure contato com outros estudantes que tenham o mesmo interesse que você e troque ideias de métodos de estudos, dicas e dúvidas;

=> Chame seus amigos ou colegas de escola para estudar em grupo com conteúdos presentes na internet;

=> Anote as dúvidas que surgirem nas pesquisas e leve para seus professores;

=> Faça exercícios, a internet tem muitas opções de problemas matemáticos e atividades de outras disciplinas. 

=> Precisa treinar redação? Faça textos online e tenha correção profissional gratuita.

Leia também: Brasileiros conquistam prata em Copa do Mundo de Física

No Brasil Escola você encontra muitas opções para estudar online. Dicas, videoaulas, textos dos mais diversos conteúdos escolares, simulados, provas anteriores do Enem e vestibulares para resolução (e o gabarito para conferir as respostas) e correção comentada dos maiores processos seletivos do país e do Enem estão aqui!

BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola