Topo
pesquisar
Em 15/04/2016 14h57

Fies 2016/1: mais de 110 mil vagas não foram preenchidas

Notícias

Entidades acreditam que oportunidades serão remanejadas para a segunda edição deste ano. Por Lorraine Vilela Campos
PUBLICIDADE

Aproximadamente 115 mil vagas do primeiro semestre de 2016 do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) não foram preenchidas e estão disponíveis para remanejamento na segunda edição deste ano. A informação é do Fórum das Entidades Representativas do Ensino Superior Particular. 

Veja também: MEC anuncia mudanças no remanejamento de vagas do Fies

O Fies 2016/1 ofereceu 250 mil vagas em cursos superiores de instituições particulares. O Ministério da Educação (MEC) estabeleceu como prioridade a oferta para graduações com conceito 5 (nota máxima) e que sejam das áreas de Engenharia, Saúde e Formação de Professores. 

Representantes das entidades que compõem o Fórum acreditam que entre os motivos do grande número de vagas não preenchidas estão as áreas prioritárias para o MEC, a renda per capita máxima de 2,5 salários-mínimos e a pontuação mínima necessária de 450 pontos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), além da distância entre a data dos vestibulares de Medicina (curso amplamente procurado e com forte potencial de adesão ao Fies) e a abertura do período de inscrições do financiamento.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Mesmo com a possibilidade de remanejamento autorizada pelo MEC, a Diretoria-Executiva do Fórum estima que apenas 10% das vagas sejam preenchidas devido às exigências impostas pelo Ministério. Outro ponto destacado pelas entidades é a baixa procura pelos cursos de formação de professores e a grande evasão dos estudantes de Engenharia. 

Sugestões

As entidades sugerem algumas medidas que possam diminuir a ociosidade das vagas ofertadas no Fies e proporcionar maior acesso dos estudantes ao ensino superior. 

- Redução da nota mínima de 450 para 400 pontos;
- Renda per capita de três salários mínimos; 
- Que os estudantes tenham a opção de determinar o valor do financiamento em 50%, 75% ou 100%, já que atualmente o valor é determinado pelo MEC;
- Controle da Lista de Espera de responsabilidade das instituições de ensino que oferecem as vagas, pois é o MEC quem controla tais dados. O objetivo é dar agilidade ao processo de convocação dos contemplados. 

Por Lorraine Vilela
Com informações da Agência Reuters

BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Enem Brasil Escola