Whatsapp
Em 17/05/2022 18h50 , atualizado em 18/05/2022 11h10

USP oferece 400 vagas em curso gratuito de Astronomia para meninas

Notícias

Também é permitida a inscrição de pessoas que se identificam com o gênero feminino (cis e trans)                   Por Silvia Tancredi
projeto Astrominas 2022 da USP
Projeto Astrominas 2022 da USP
Crédito da Imagem: Divulgação projeto Astrominas 2022 da USP
PUBLICIDADE

A Universidade de São Paulo (USP) está com inscrições abertas para um curso gratuito de Astronomia para meninas. O prazo de inscrições segue aberto até o dia 29 de maio. O cadastro deve ser feito pelo link abaixo.

Faça sua inscrição

O curso faz parte do projeto Astrominas, cujo lema é “Empoderando meninas através da ciência”. O foco do evento é incentivar o acesso de meninas na área científica.

O projeto é organizado por pesquisadoras e alunas do Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas (IAG) da USP.

Podem se inscrever meninas com idades entre 14 e 17 anos e que estejam matriculadas em escolas de educação básica em 2022. Também é permitida a inscrição de pessoas que se identificam com o gênero feminino (cis e trans).                 

Leia também: Projetos ajudam pessoas LGBT+ a concluírem o ensino médio e entrar na faculdade

Seleção e vagas

As candidatos serão selecionadas por meio de sorteio marcado parao dia 3 de junho. A divulgação será feita no Instagram do Projeto Astrominas.

O curso oferece 400 vagas gratuitas. Confira a distribuição das oportunidades:

  • 20% de estudantes Pretas, Pardas e Indígenas (PPI)

  • 60% de alunas de escolas públicas sendo PPI e não-PPI

  • 20% de escolas privadas (PPI e não-PPI)

Programa do curso Astrominas 2022 da USP

O curso, que está em sua terceira edição, ocorrerá durante três semanas, entre os dias 2 e 22 de julho. As estudantes terão aulas de Astronomia, Ciências Atmosféricas, Geofísica, Geociências, Física, Oceanografia, Astrobiologia, Matemática e Ciências Humanas.

Além desses conteúdos, as alunas participarão de experimentos, elaboração de murais, rodas de conversa e debates. 

Conforme as regras do programa, as meninas deverão reservar de 3 a 4 horas diárias para se dedicar às atividades, que poderão ser realizadas pela internet.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Fadas madrinhas

O projeto Astrominas 2022 da USP contará com mais de 150 monitoras, conhecidas como Fadas Madrinhas, que acompanham as “astrominas” em todas as atividades, ao longo do curso.

As fadas madrinhas apresentarão as suas trajetórias enquanto cientistas, especialmente das áreas de ciências naturais e exatas.

Saiba mais: Em espaço ainda dominado por homens, jovens brasileiras perseguem sonho de ser cientistas

Para mais detalhes, acesse este regulamento.

Relacionados
No Dia Internacional da Mulher, 8 de março, mostramos histórias de estudantes que querem atuar na área de Ciência, espaço que os homens ainda dominam
O Dia Internacional contra a LGBTfobia levanta pautas como a importância da garantia da cidadania e qualidade de vida por meio da educação.
Clique para saber sobre os desafios vividos por trans e travestis para o ensino superior no Brasil. Conheça professoras trans e travestis de destaque nacional.
  • Facebook Brasil Escola
  • Instagram Brasil Escola
  • Twitter Brasil Escola
  • Youtube Brasil Escola
  • RSS Brasil Escola
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES