Whatsapp
Em 14/05/2018 11h32

Unespar estuda adotar cotas em seu Vestibular e no SiSU

Notícias

Instituição criou a Comissão de Cotas na última sexta-feira, 11 de maio. Por Lorraine Vilela Campos
PUBLICIDADE

A Universidade Estadual do Paraná (Unespar) anunciou na última sexta-feira, 11 de maio, a criação da Comissão de Cotas da instituição.

Saiba mais sobre a Lei de Cotas

A Comissão de Cotas é formada por integrantes de movimentos sociais, estudantes de graduação, professores, Comissão Central de Vestibular (CCV), Escritório de Relações Internacionais, Diretoria de Assuntos Estudantis, Prograd e Pró-reitoria de Planejamento. 

Com a criação da Comissão de Cotas, a Unespar leva adiante o desejo da implementação da política de cotas em seus processos seletivos de ingresso. Os pontos sobre as ações afirmativas serão apresentados ao Conselho Universitário (COU).

De acordo com a instituição, se a proposta for aprovada pelos conselhos superiores, as cotas já estarão valendo no Sistema de Seleção Unificada (SiSU) e, para o próximo ano, também no Vestibular próprio. 

Veja também: MPF pede explicação às instituições sobre verificação de fraudes nas cotas raciais

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Comissões de cotas são responsáveis pela fiscalização da implementação de políticas sociais nas universidades; no ingresso de estudantes nas vagas destinadas às ações afirmativas, evitando fraudes e auxílio nas necessidades dos cotistas. 

Cotas em universidades estaduais

A Unespar faz parte das universidades estaduais que ainda não reservam parte de suas vagas para os estudantes de escolas públicas (levando em consideração também as etnias e renda). 

A instituição seguirá a legislação federal sobre o assunto, como é o caso da Lei de Cotas, além de se espelhar na experiência de outras universidades estaduais como a Universidade Estadual de Londrina (UEL), também no Paraná, que já conta com ações afirmativas desde 2005.

Mais informações no site da Unespar

Relacionados
Enquanto USP e Unicamp anunciaram adesão ao sistema de cotas, Unesp e UFU decidiram criar comissões para evitar fraudes. Saiba mais!
O Ministério da Educação (MEC) divulgou no Diário Oficial da União desta terça-feira, dia 5 de junho, o Edital com as regras do Sistema de Seleção Unificada (SiSU) 2018/2. As inscrições serão feitas pela internet, entre os dias 12 e 15 de junho de 2018.
Universidades e institutos federais deverão informar ao Ministério Público Federal se adotam comissões para confirmar a veracidade de candidatos autodeclarados pretos e pardos em vestibulares que oferecem vagas para cotistas.
As inscrições do SiSU 2018/2 já estão abertas. Estudantes que fizeram o Enem 2017 podem se inscrever até às 23h59 de sexta-feira, 15 de junho. São oferecidas mais de 57 mil vagas gratuitas em 68 instituições públicas de ensino superior.
As inscrições para o Vestibular de Inverno 2018 da Universidade de Caxias do Sul (UCS), no Rio Grande do Sul, estão abertas. Os interessados devem se inscrever pela internet até dia 17 de junho, pagando uma taxa que custa entre R$ 40 e R$ 250, conforme o curso em disputa.
O Conselho Universitário da UFABC, em São Paulo, aprovou por unanimidade a ampliação da reserva de vagas para refugiados e solicitantes de refúgio.
O Conselho Universitário da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) aprovou mudanças na sua Política de Ações Afirmativas. Confira!
UnB criou comissão para apurar denúncias de fraudes que apontam que cerca de 100 estudantes ocupam vagas como cotistas raciais sem se enquadrarem nessa modalidade. 
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES