Topo
pesquisar
Em 02/04/2014 11h10, atualizado em 02/04/2014 13h45

Correções das redações do Enem 2013 já podem ser visualizadas

Notícias

Publicação tem caráter pedagógico, portanto recursos não serão aceitos pelo MEC. Por Jessica Gonçalves Pereira
PUBLICIDADE

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) disponibilizou nesta quarta-feira, 02 de abril, o espelho das correções das redações do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2013, realizado por mais de 5 milhões de candidatos.

Veja o espelho das produções 

Os participantes poderão consultar as produções corrigidas, porém não serão aceitos recursos contra o resultado, já que a divulgação tem caráter apenas pedagógico. As provas do exame foram realizadas nos dias 26 e 24 de outubro do ano passado. 

Receba conteúdos para o Enem no seu celular 

O tema escolhido para a redação foi “Efeitos da implantação da Lei Seca no Brasil”. Ao todo, foram corrigidos 5.049.248 textos. Destes, 481 tiveram nota mil. Em branco, foram 32.991 e outros 73.751 foram anulados, totalizando 106.742 redações com nota zero.

Tirou nota 1000? Envie seu texto para vestibular@brasilescola.uol.com.br

Além da redação, os estudantes responderam a 45 questões de múltipla escolha sobre Ciências Humanas e suas Tecnologias (geografia, história, sociologia e filosofia) e 45 questões de Ciências da Natureza e suas Tecnologias (biologia, física e química). Veja a correção comentada

Avaliação 

As produções textuais foram avaliadas de acordo com cinco competências: domínio da norma-padrão da língua escrita; compreensão da proposta da redação e aplicação de conceitos de diversas áreas do conhecimento para desenvolver o tema; capacidade de selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações para defender um ponto de vista; conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação; e elaboração de proposta de intervenção ao problema abordado, respeitando os direitos humanos. 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Cada redação passou por dois avaliadores, sem que um soubesse a nota dada pelo outro. Em caso de discrepância superior a 80 pontos, em qualquer uma das cinco competências, um terceiro avaliador também corrigiu o texto, sendo a nota dada pela média aritmética das duas notas totais que mais se aproximarem. Se a diferença persistiu, a redação foi encaminhada a uma banca com três professores que atribuiu a nota final. 

Esta foi a segunda vez que o Ministério da Educação (MEC) disponibilizou a consulta. A iniciativa se deu para evitar insatisfação dos candidatos com suas notas, uma vez que em outras edições inúmeros estudantes entraram com recursos na justiça contra o resultado. 

O resultado do Enem foi divulgado em 4 de janeiro, veja aquiMais informações no Guia do Participante Enem 2013 ou pelo telefone 0800 616161.

Por Jéssica Gonçalves 

BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Enem Brasil Escola