Em 04/12/2007 01h23 , atualizado em 09/09/2020 14h12

Como montar um grupo de estudos

Dicas de Vestibular

Estudar com outras pessoas pode ajudar a somar conhecimentos de diversas áreas e exige comprometimento. Por Giullya Franco
PUBLICIDADE

A preparação para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e vestibulares pode envolver o estudo individual ou em grupo. Cada pessoa tem mais facilidade com uma forma de estudo, assim como a aptidão para determinada matéria.

Quando o estudante tem dificuldade para assimilar sozinho o conteúdo visto em sala de aula, talvez seja a hora de pensar em montar um grupo de estudo. No entanto, juntar gostos, interesses e opiniões diferentes nem sempre é uma alternativa fácil.

Pensando nisso, listamos abaixo 10 dicas para quem quer fazer parte de um grupo de estudos. Confira!

1 – Tenha foco

A concentração é uma das habilidades mais importantes durante o período reservado para os estudos. Todos nós sabemos que separar um tempo para se dedicar a aprender algo é um tanto quanto cansativo e os fatores de distração estão a todo tempo tentando tirar o nosso foco.

Agora você já imaginou quando decide estudar com um grupo de pessoas? Contar com mais alguém nos seus estudos é muito importante, já que sempre haverá mais conhecimento quando existe mais de uma mente pensante. Mas, antes de começar esses estudos é extremamente importante que todos os participantes estejam focados naquele momento.

O risco de se perder em conversas ou em assuntos que não são relevantes para o aprendizado é grande, ainda mais quando o grupo de estudo é formado por amigos. Por isso, a primeira dica é que todos os integrantes estejam focados no estudo durante o tempo estabelecido para essa atividade.

Veja também: 10 dicas para melhorar a concentração nos estudos

2 – Escolha pessoas com habilidade diferentes

Os grupos de estudos podem ser criados para inúmeros objetivos. Às vezes querem estudar só Matemática ou apenas redação, debater História ou se dedicar mais aos temas de Biologia. No entanto, quando está se preparando para o Enem e vestibulares, é necessário estudar as todas as disciplinas.

Para que isso seja possível, é bom escolher integrantes para o grupo que tenham facilidades diferentes. Um pode ser muito bom em exatas, outro em humanas e outro em biológicas e, assim, cada um contribui um pouco com o outro, construindo um conhecimento geral.

Claro que isso não quer dizer que você deve excluir os integrantes que gostam de um mesmo assunto, mas é importante que os participantes tenham habilidades diferentes para agregar mais conhecimento uns aos outros.

3 – Escolha um local

Os grupos de estudos podem ser realizados tanto on-line como presencial. Quando os integrantes optam por realizar suas reuniões de estudo presencialmente, a escolha de um local adequado é muito importante para evitar distrações, incômodos, desconfortos, interrupções e tantas outras situações desgastantes que atrapalhem o desempenho do grupo.

Escolha sempre locais calmos, com pouco barulho, arejados e limpos, para que todos os estudantes se sintam confortáveis durante o período. O grupo pode entrar em acordo e escolher a casa de um dos integrantes, bibliotecas, salas da escola em período que estão vazias ou, até mesmo, cafeterias e parques que possuem ambientes menos movimentados. O importante é que o local fique de fácil acesso e confortável para todos.

4 – Crie Regras

É um pouco chato falar sobre regras, não é mesmo? Mas em alguns casos elas são necessárias. Quando optarem por criar ou participar de um grupo de estudos, imponham regras que devem ser seguidas durante o período de estudo. Reunir mais de uma opinião e personalidades diferentes podem gerar atritos e divergências que vão atrapalhar o foco dos estudantes e ainda prejudicar o tempo que poderia estar sendo utilizado para o aprendizado.

Mas as regras não precisam ser tão duras, elas apenas precisam estar ali para estabelecer uma organização do grupo de estudos de modo que todos os integrantes estejam cientes.

Por exemplo: Não utilizar o celular durante as reuniões; evitar conversas paralelas fora do tema de estudo; respeitar os colegas de grupo; ter comprometimento com os dias e horários dos estudos.

Essas são apenas algumas sugestões básicas para você criar um grupo de estudo. Mas a melhor opção é que antes de começá-lo, todos os integrantes se reúnam e definam juntos as melhores regras de comum acordo.

5 – Eleja um líder

Uma pessoa mais organizada e justa tem o perfil para ser líder do grupo de estudos

Escolher uma pessoa para liderar não quer dizer que ela vai mandar em todo mundo, afinal, o trabalho é em grupo. Mas sabemos que grupos precisam de organização e, felizmente, sempre há alguns dos amigos que são mais habilidosos nesta área. 

Quando forem definir as regras, já façam a escolha de quem vai ser o líder. Essa pessoa é quem tem que ter a expertise de agir com tranquilidade, organização, entender e respeitar os demais e ter senso de justiça, para caso haja problemas entre os integrantes ela esteja preparada para ajudar a resolver.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O líder também é aquele mais organizado, que vai lembrar dos cronogramas, arquivar os materiais, entre outras atividades semelhantes. Mas, caso o seu grupo não queira definir apenas um líder, que tal fazer um rodízio? Assim, é uma oportunidade para que cada um possa aprender e desenvolver essa habilidade de liderança que também é muito importante.

6 – Estabeleçam um cronograma

Ter um bom planejamento de tempo e conteúdos que serão estudados é muito importante para quem está se preparando para uma seletiva. Quando a preparação é coletiva, a importância de um cronograma é ainda maior, já que cada um terá um tipo de interesse.

Montar um cronograma, dividindo os horários de estudo de cada disciplina, é necessário desde o começo dos estudos. Desta forma, o grupo decide quais os temas vão estudar, os dias que serão dedicados a cada um deles e o tempo que poderão gastar naquelas atividades.

Veja: Como montar um cronograma de estudos

É uma forma de manter a organização, não perder tempo e nem conteúdo e, também, não prejudicar nenhum dos integrantes com a ausência de algum tema que ele precise se dedicar um pouco mais.

7 – Use plataformas on-line

Existem muitas plataformas de estudo on-line que podem ajudar os grupos

Como falamos acima, vocês também podem ter um grupo de estudo on-line. Essa opção ainda engloba diversas alternativas e possibilidades, já que na internet existem inúmeras plataformas de auxílio a estudos on-line.

Os participantes podem se reunir por videochamadas, grupos de Whatsapp, disponibilizar materiais na nuvem, e utilizar plataformas como o Google Classroom, uma sala de aula on-line com opção de publicar conteúdos e receber comentários em tempo real.

Além disso, os grupos também podem utilizar as duas opções e ter encontros tanto presenciais quanto on-line e utilizar todos os recursos de aprendizagem possíveis.

Mais: Conheça 7 ferramentas gratuitas para estudar em casa

8 – Utilize seu tempo sozinho

Mesmo tendo um grupo de estudos, na grande maioria do seu tempo é bem provável que você esteja estudando sozinho ou em sala de aula. Aproveite o tempo que não está com o grupo para anotar suas dúvidas, assuntos que você enxerga que precisam ainda ser mais debatidos e até temas que talvez você ache que seja relevante para os demais da equipe.

Anote todos eles na hora, porque depois é fácil esquecer. Leve-os para o momento do encontro em que vocês vão esclarecer dúvidas. A sua dúvida pode ser a mesma de um amigo ou pode ser que algum colega saiba esclarecê-la. O trabalho é em grupo e, desta forma, todos contribuem uns com os outros.

9 – Tenha comprometimento

Nunca esqueça que o seu grupo também está contando com você

Ter comprometimento com o seu grupo de estudos é uma questão de respeito tanto com o seu aprendizado quanto com o de seus colegas. Se o grupo define um cronograma e você se compromete a segui-lo, lembre-se que as outras pessoas estão contando com você.

Às vezes cada um têm uma função definida para que o trabalho em conjunto seja satisfatório e benéfico para todos. Se você faltar ou deixar de fazer sua função, todos serão prejudicados. Claro que existem exceções e imprevistos, e isso deve ser considerado. Entretanto, em outros casos, sabemos o quanto a preparação para um vestibular é desgastante, exige disciplina e, em muitas das vezes, é necessário abrir mão de algumas coisas.

Por isso, se você se comprometer com aquelas pessoas, esteja lá por você e por elas.

10 – Descanse

Estudar, concentrar, comprometer, abrir mão, dedicar é muita coisa, não é mesmo? Não se esqueça, você também precisa ter um tempo de descanso. Então, coloque no cronograma um período em que você vai ficar livre.

Descansar não quer dizer apenas dormir ou ficar parado. Quer dizer que esse é o seu momento de lazer e que ele é muito importante dentro do conjunto de atividades que vão te ajudar no período de estudos. Leia, faça uma atividade física, saia com os amigos, faça passeios ou simplesmente não faça nada. Mas deixe um momento de prazer para você descansar e sempre voltar com energias recarregadas para a próxima etapa de estudos. 

Agora que você já sabe como montar um bom grupo para estudar convoque a sua turma e bom aprendizado!

BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES