Em 02/04/2020 13h30 , atualizado em 02/04/2020 14h03

Manutenção das datas do Enem 2020 desagrada órgãos ligados à educação

Blog do Vestibular

O artigo não representa a opinião do site. A responsabilidade é do autor do texto.

O adiamento das provas do Enem 2020 seria necessário, para órgãos ligados à educação, devido à pandemia do novo coronavírus. Inep reforça que datas estão mantidas, mas que está atento ao momento e situação de estudantes. Por Érica Caetano
PUBLICIDADE

Desde que autoridades de saúde do Brasil sinalizaram que estamos passando por uma pandemia, causada pelo novo coronavírus (Covid-19), muitas coisas mudaram no cotidiano e rotina da população, incluindo os estudantes.

Para conter o número de infectados, o país inteiro entrou em quarentena. Instituições de ensino foram fechadas, passando a ofertar aulas virtuais, para que os estudantes não perdessem o ritmo de estudos e não ficassem atrasados em seus conteúdos.

Covid-19: saiba tudo sobre o novo coronavírus

Além do ensino, comércio, escritórios, prestadores de serviços no geral também tiveram que paralisar as suas atividades, estando ativos somente os serviços essenciais básicos.

Em meio a todo esse cenário, o edital com as normas, regras e cronograma do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 foi divulgado esta semana, mais precisamente na terça-feira, 31 de março, deixando estudantes divididos.

Todos os estudantes que vão fazer o Enem 2020 já esperavam ansiosos por essas datas. Contudo, a questão do país estar “virado de cabeça para baixo” e com as preparações para as provas sendo adaptadas para novos formatos on-line, deixou os futuros candidatos ao Exame divididos.

Saiba tudo sobre o Enem 2020

Confira o edital do Enem 2020 Impresso

Veja o edital do Enem Digital

De um lado, aqueles que estão aliviados, certos de que as provas irão acontecer este ano, já que elas seguem agendadas para os dias 1º e 08 de novembro, podendo então seguir firme na preparação. 

Do outro lado, aqueles que não acham justo, já que a preparação estaria prejudicada e que não há como haver uma data sem antes saber os rumos que a pandemia do coronavírus terá e trará ao país.

Secretários de Educação pedem mudança na data

Além dos estudantes, o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) também divulgou uma nota na qual informa não concordar com a manutenção das datas das provas do Enem 2020. 

Para o Consed, seria preciso aguardar o fim do ciclo da pandemia do novo coronavírus e também o fim da suspensão das aulas para que então sejam definidas as datas das provas do Enem 2020.

Para os secretários da Educação, a melhor opção seria estender o prazo de inscrições do Enem 2020, com garantia da isenção da taxa de inscrição para todos os estudantes de escolas públicas do país.

O órgão alega que mesmo as instituições públicas e privadas implantando ferramentas e soluções para que o ensino não seja prejudicado durante o período sem aulas presenciais, elas não contemplam todos os estudantes brasileiros, principalmente os mais carentes.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

UNE e UBES a favor de nova data    

A União Nacional dos Estudantes (UNE) e União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES) também divulgaram estar de acordo com o Consed, acreditando que as datas do Enem 2020 precisam ser alteradas. 

Perfil da UNE no Twitter recolhe assinaturas da petição para o adiamento do Enem

Inep se manifesta

Diante das manifestações, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), divulgou no início da noite de ontem, 1º de abril, uma extensa nota, onde pontua várias questões a respeito do cronograma do Enem 2020.

O Inep reafirmou todo o processo de etapas que envolve a realização do Enem e que, por isso, está buscando garantir a sua execução adequada, não apenas para cumprir com seu dever institucional, mas, principalmente, para não prejudicar mais ainda a sociedade brasileira. 

Inclusive, com a realização do Enem Digital, já que assim, haverá mais uma forma de oferecer  a sociedade mais de uma aplicação durante o ano.

Disse ainda que para que haja a execução do Enem, é preciso cumprir com as diversas etapas que antecedem a data de aplicação do Exame, como a elaboração da prova, os pedidos e a análise de isenção da taxa de inscrição, a efetivação da inscrição, a impressão, a logística e a distribuição, além de todos os subprocessos associados a essas grandes etapas. 

E, por conta desses fatores, a publicação dos editais do Enem 2020 se fez fundamental neste momento, como forma de garantia a sociedade que a concretização dessa política pública seja preservada e para que seja dado início, pelo Inep, à preparação e à viabilidade de execução da edição do Enem deste ano.

O Instituto garantiu que cada uma das considerações feitas pelas entidades, será avaliada e discutida - mesmo não tendo recebido nenhum pedido formal das mesmas - sempre buscando o que seja melhor para a educação brasileira.

Em resumo, até o momento o Inep confirma o cronograma com as datas de inscrições e provas do Enem 2020.

O que esperamos é que tudo termine da melhor forma para os estudantes que tanto se empenham e desejam entrar nas universidades. Que estes não sejam prejudicados e que os órgãos competentes pela educação em nosso país sejam sensíveis a este momento em que a sociedade está passando.

Que a pandemia passe pelo Brasil o mais rápido possível e que o Enem 2020 seja realizado no melhor período para todos os estudantes.

Fica a torcida.

 

BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES