Topo
pesquisar
Em 02/06/2016 09h38 , atualizado em 02/06/2016 10h41

PUC-Goiás suspende Vestibular para Medicina por investigação de fraude

Notícias

Instituição quer aguardar a conclusão do inquérito policial sobre a tentativa de fraude praticada em 2015. Por Wanja Borges
PUBLICIDADE

A Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-Goiás) comunicou na tarde de ontem, 1º de junho, que não oferecerá vagas para o curso de graduação em Medicina no Vestibular 2016/2, que acontecerá no próximo dia 25. As inscrições para os demais cursos devem ser abertas amanhã, 3, e encerradas no dia 21.

A suspensão temporária da oferta de 40 vagas foi definida em virtude das investigações da tentativa de fraude praticada por uma associação criminosa, no processo seletivo realizado em 7 de novembro de 2015. O objetivo da instituição é aguardar a conclusão do inquérito policial.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Segundo o comunicado, a PUC Goiás registrou uma denúncia sobre a tentativa de fraude no Ministério Público Federal e instaurou um processo administrativo disciplinar para apurar a participação e a responsabilidade de alguns estudantes. 

Um inquérito também foi aberto na Polícia Federal, contudo, ainda encontra-se inconcluso, assim como o processo administrativo, que depende da conclusão da investigação conduzida pela PF e pelo MPF. A instituição não informou uma nova previsão de data para realização do Vestibular de Medicina.

BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Vestibular Brasil Escola