Em 21/07/2020 14h16 , atualizado em 21/07/2020 15h42

Inscrições do Fies 2020/2 são adiadas

Notícias

Abertura do período era esperada para as 14h desta terça-feira. Novas datas não foram informadas. Por Giullya Franco
PUBLICIDADE

As inscrições do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) 2020/2 foram adiadas. O período estava previsto para começar nesta terça-feira, 21 de julho, às 14h, com prazo final na próxima sexta-feira, 24 de julho.

Após o horário programado, o Site do Fies divulgou uma nota informando que as inscrições foram adiadas e que um novo cronograma será divulgado.

Veja a mensagem na página do Fies:

 

Mensagem da página do Fies após as 14h de terça-feira (21/07)

Nesta edição do Fies poderão se inscrever os candidatos que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) entre 2010 e 2019, com média de 450 pontos no exame e que não tenha zerado a redação. Além disso, é necessário comprovar renda familiar de até três salários mínimos.

Veja como fazer a inscrição no Fies:

1) Acessar o Site do Fies e clicar em “Minha Inscrição”. Quem ainda não tem o cadastro no Governo Federal precisa realizá-lo. Se já tiver é só seguir com a inscrição e clicar em “Entrar com gov.br”

2) Faça o seu login utilizando o CPF e a senha que foi cadastrada. Neste momento você será direcionado para a página de Dados Cadastrais do Fies para informar os seus dados pessoais. Quem deseja utilizar o nome social deve escolher essa opção no sistema;

3) A próxima página é a do Questionário. Neste momento o participante informa a raça/cor, se é portador de deficiência e dados sobre a formação escolar;

4) Na página de Grupo Familiar o estudante deve informar os dados pessoais das pessoas de sua casa, assim como a renda bruta e grau de parentesco;

5) A opção Grupo de Preferência é onde o candidato vai escolher até três opções de cursos para o financiamento. Primeiro é necessário escolher o estado, seguido por município, curso e instituição de ensino que tenha interesse em cursar. Caso não tenha instituição em mente, o sistema mostra as opções disponíveis;

6) Após a gravação do curso escolhido, os interessados que já estão cursando devem marcar a quantidade de semestres que já foram concluídos. Se for começar o curso agora marque a opção zero; 

7) Com todo o processo feito é só aceitar os termos e afirmar que você não é um robô parar concluir o cadastro.

Se ainda ficou dúvidas sobre o processo se inscrição no Fies, confira o vídeo explicativo abaixo:


Como funciona o Fies?

O programa do Governo Federal utiliza a pontuação do Enem e a renda familiar dos estudantes para conceder financiamento de até 100% da mensalidade de cursos de graduação em instituições privadas.

Entenda como funciona o Fies

Além da participação no Enem, o candidato deve atender aos critérios de renda para participar. O Fies é voltado para quem possui renda familiar máxima de três salários mínimos.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

ProUni

O estudante com bolsa de estudo parcial no Programa Universidade Para Todos (ProUni) também pode se inscrever no Fies para tentar o financiamento do restante da mensalidade do curso.

Veja: Como usar o Fies e o ProUni juntos

Vagas

O Ministério da Educação (MEC) ainda não informou a quantidade de vagas disponibilizadas para o Fies do segundo semestre de 2020. No primeiro semestre, a informação divulgada foi que para este ano seriam oferecidas 100 mil vagas, distribuídas entre os dois semestres.

Resultado

A divulgação dos pré-selecionados seria realizada no dia 28 de julho e eles teriam até o dia 30 para fazer a complementação das informações. A pré-seleção dos candidatos da lista de espera seria de 28 a 31 de julho. Com a suspensão das inscrições ainda não é possível informar se as datas vão permanecer.

Extinção do P-Fies

A modalidade conhecida como P-Fies deixou de fazer parte da seleção. O P-Fies oferecia financiamento de 50% do curso, tinha juros definidos pelos bancos e o número de vagas não era predefinido. Os candidatos podiam apresentar renda familiar de até cinco salários mínimos. O MEC informou que o programa mudará de nome para não haver confusão com o Fies e não terá mais o Enem como seleção. Até o momento não foram divulgadas mais informações sobre o programa.

Impactos do Coronavírus

Além da alteração no calendário do programa, no último dia 10 foi sancionada uma lei que suspende o pagamento do Fies durante o período de calamidade pública pela pandemia de Covid-19. O período de calamidade pública foi decretado em 20 de março e tem duração prevista até 31 de dezembro de 2020. Clique aqui para saber mais sobre a suspenção do pagamento!

Para mais informações sobre o Fies 2020/2 acesse o edital.

BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES