Em 09/09/2020 14h23 , atualizado em 09/09/2020 14h23

Inscrições abertas para trabalhar no Enem 2020

Notícias

Certificadores deverão passar por capacitação. Uso de álcool em gel e máscaras para proteção será obrigatório no dia das provas. Por Giullya Franco
PUBLICIDADE

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) abriu nesta quarta-feira, 9 de setembro, as inscrições para quem deseja trabalhar no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020. Período vai até o dia 29 de setembro.

Inscreva-se para trabalhar no Enem 2020

A inscrição é feita pela Rede Nacional de Certificadores (RNC) e podem participar os servidores públicos, em exercício em 2020, do Poder Executivo Federal regido pela Lei nº 8.112 ou docente da rede estadual ou municipal de ensino efetivo e registrado no Censo Escolar 2019. Além disso, o Inep exige que os candidatos atendam algumas exigências. Veja abaixo:

  • Ter formação mínima em Ensino Médio;
  • Não estar inscrito como participante do Enem 2020;
  • Não ter cônjuges/companheiros ou parentes – em linha reta, colateral ou por afinidade de até terceiro grau – inscritos no Enem 2020;
  • Não ter vínculo com as atividades do processo logístico de elaboração, impressão, distribuição e aplicação ou de observação da aplicação do Enem e nem com o processo de correção da redação;
  • Possuir smartphone ou tablete e computador com acesso à internet.

Veja também: Como ser fiscal no Enem

Como é a seletiva?

Os candidatos que atenderem as exigências acima serão convocados no dia 14 de outubro para a realização do curso de capacitação. A capacitação será feita por um número de até três vezes mais candidatos de acordo com a demanda de cada município. 

A capacitação é feita a distância e promovida pelo Inep para divulgação das normas, procedimentos e critérios técnicos da RNC para a aplicação do Enem 2020 e é obrigatória para todos os convocados.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Os interessados precisam ter um smartphone ou tablet com acesso à internet móvel e computador para a realização do curso.

Serão considerados aptos para trabalhar como certificadores os candidatos que, após a participação e a aprovação nas atividades desenvolvidas no curso de capacitação, tenham alcançado no mínimo 70% de aproveitamento.

Qual é o trabalho e a remuneração?

Os certificadores serão responsáveis pela efetiva e correta realização dos procedimentos de aplicação das provas do Enem; registro em sistema eletrônico das informações coletadas com base em sua atuação; informar ao Inep qualquer problema identificado nos dias de provas.

O trabalho do certificador terá o valor de até R$ 342 por dia de prova, sendo considerado o valor da hora do servidor público do Poder Executivo Federal de R$ 28,50. O pagamento será feito após a aplicação do Enem 2020 e será condicionado à apresentação do Relatório de Certificação e à finalização da demanda via sistema web ou aplicativo da RNC.

CORONAVÍRUS

Nesta edição do Enem, em consequência da pandemia do coronavírus, o edital exige que os certificadores possuam álcool em gel e usem máscaras para proteção no dia das provas.

Enem 2020

Após o adiamento do exame por conta da pandemia, as provas do Enem 2020 serão aplicadas somente no próximo ano. O exame na versão impressa está marcado para os dias 17 e 24 de janeiro de 2021. Já a versão digital deve ser realizada nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro.

Para mais informações confira o edital.

BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES