Whatsapp
Em 10/04/2019 00h05 , atualizado em 10/04/2019 12h28

Enem 2019: prazo para solicitar isenção da taxa de inscrição termina hoje

Notícias

Período para justificar ausência na edição anterior também chega ao fim nesta quarta-feira. O resultado será divulgado no dia 17 de abril. Por Giullya Franco
Crédito da Imagem: brasil escola
PUBLICIDADE

Termina hoje, 10 de abril, às 23h59, o prazo para os estudantes pedirem a isenção da taxa de inscrição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 e também para fazer a justificativa de ausência na edição anterior. O período foi aberto no dia 1º de abril.

Peça aqui a isenção da taxa do Enem 2019

Justifique a ausência no Enem 2018

Até as 10h50 de hoje, mais de 3 milhões estudantes haviam solicitado a isenção da taxa do Enem 2019, que vai custar R$ 85. Na última edição, 3,8 milhões de pessoas solicitaram o benefício e 3,3 milhões conseguiram.

O resultado da solicitação de isenção da taxa de inscrição e da justificativa de ausência será publicado no dia 17 de abril. Os candidatos poderão apresentar recursos entre os dias 22 e 26, e o resultado final será publicado no dia 2 de maio. Quem não tiver o pedido deferido deverá fazer o pagamento da taxa de R$ 85 até o dia 23 de maio.

Quem pode pedir a isenção da taxa do Enem?

Para solicitar a isenção taxa de inscrição no Enem 2019, os candidatos devem se encaixar em um dos três critérios seguintes:

  • Estar cursando o 3º ano do Ensino Médio, em 2019, em escola da rede pública declarada ao Censo Escolar;
  • Candidato que cursou todo o Ensino Médio na rede pública ou como bolsista integral na rede privada e possui renda igual ou inferior a um salário-mínimo e meio, por pessoa;
  • Pessoas em situação de vulnerabilidade socioeconômica por ser membro de família de baixa renda que tenha Número de Identificação Social (NIS), único e válido, além de ter renda familiar por pessoa de até meio salário-mínimo ou renda familiar mensal de até três salários-mínimos.

Veja passo a passo como conseguir a isenção da taxa de inscrição do Enem

Até o Enem 2018, estudantes do 3º ano do ensino médio de escolas públicas conseguiam automaticamente a isenção quando se inscreviam no exame. Agora, eles também precisam fazer o pedido antes das inscrições.

Outra mudança é que os estudantes que concluíram o ensino médio por meio do Exame Nacional para Certificação de Competência de Jovens e Adultos (Encceja) precisam comprovar renda para ter o benefício. No ano passado, bastava o certificado.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Quem deve justificar a ausência no Enem?

O estudante que teve direito a isenção da taxa no Enem 2018, mas faltou aos dois dias de prova e deseja obter o benefício novamente, precisa fazer a justificativa de ausência, também pelo sistema do Enem. Confira os documentos necessários para fazer a justificativa de ausência. A documentação varia de acordo com a causa: acidentes, mortes na família, internação, trabalho, entre outros. 

Saiba como justificar a ausência no Enem

Enem 2019

As inscrições para o Enem 2019 serão realizadas entre os dias 6 e 17 de maio, com taxa de R$ 85. As provas serão realizadas nos dias 3 e 10 de novembro, dois domingos.

Confira um passo a passo para fazer sua inscrição no Enem

Neste ano, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informou que o Enem 2019 passaria por mudanças e teria alterações voltadas para a redução de custos. Para as provas deste ano as folhas de cálculos (rascunhos) serão reduzidas e haverá a substituição da tecnologia de coleta de impressão digital por uma mais barata.

Para mais informações acesse a Página do Enem 2019 do Brasil Escola ou consulte o edital.

Crise no MEC

Os últimos dias foram tumultuados no Ministério da Educação (MEC). Na segunda-feira, 8,, o presidente Jair Bolsonaro anunciou a demissão do ministro Ricardo Vélez Rodriguez, que havia assumido o cargo em janeiro. Ele foi substituído por Abraham Weintraub.

Na semana passada, a gráfica RR Donnelley, responsável pela impressão das provas do Enem, decretou falência. O Inep, que segue sem presidente, estuda alternativas para não atrasar o cronograma.

O Inep também precisa responder ao Ministério Público Federal (MPF) sobre o resultado da comissão que analisou questões do Banco Nacional de Itens do Enem. O MPF considerou vaga as explicações sobre o motivo da criação da comissão, que foi interpretada por educadores como censura.

Relacionados
Estudantes do 3º ano do ensino médio de escolas públicas e pessoas carentes têm direito a isenção da taxa de inscrição do Enem. Saiba como não pagar a taxa de inscrição do Enem.
Saiba como fazer a justificativa de ausência do Enem 2020 para poder solicitar nova isenção no Enem 2021. Confira quais os documentos necessários e veja o passo a passo.
O Inep registrou queda nos pedidos de isenção do Enem. Este ano, foram 3.687.527 solicitações, número inferior aos mais de 3,8 milhões de 2018.
Está aberto o prazo para que estudantes peçam isenção da taxa de inscrição do Enem 2019. Veja quem tem direito ao benefício e como solicitá-lo.
O Inep informou que a falência da gráfica RR Donnelley, que imprime as provas do Enem, não vai atrasar o cronograma. Casa da Moeda foi consultada.
Blog da Redação explica sobre as mudanças anunciadas para as provas do Enem 2019 que visam reduzir os custos das provas do Exame. Participe dando sua opinião sobre o que acha das medidas.
  • Facebook Brasil Escola
  • Instagram Brasil Escola
  • Twitter Brasil Escola
  • Youtube Brasil Escola
  • RSS Brasil Escola
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES