Topo
pesquisar
Em 10/07/2014 11h58, atualizado em 14/07/2014 09h19

Como estudar Linguagens e Códigos para o Enem?

Enem

Estudar Linguagens e Códigos para o Enem fica mais fácil quando o candidato conhece os temas mais recorrentes na prova. Por Luana Castro Alves Perez
Conhecimento dos gêneros textuais, interpretação de texto e gramática relacionada com a Semântica: alguns dos temas recorrentes na prova do Enem
Conhecimento dos gêneros textuais, interpretação de texto e gramática relacionada com a Semântica: alguns dos temas recorrentes na prova do Enem
PUBLICIDADE

ma das melhores maneiras para se preparar para o Exame Nacional do Ensino Médio é treinar com as provas dos anos anteriores. Além de ser um exercício estimulador, certamente te deixará mais familiarizado com o princípio da interdisciplinaridade, principal característica do Enem. Para ajudar você a conquistar uma vaga na universidade, o Vestibular Brasil Escola traz para você dicas de como estudar Linguagens e Códigos para o Enem.

Analisando as provas passadas, elencamos os temas mais recorrentes na prova de Linguagens e Códigos. Isso quer dizer que você deve dar atenção especial para os seguintes assuntos:

1- Interpretação de texto: Certamente é o tema que permeia todo o exame, não só a prova de Linguagens e Códigos. Por isso, fique atento e leia bastante para treinar a habilidade da compreensão textual;

2- Gêneros textuais: É indispensável que você conheça os gêneros textuais e que saiba identificá-los. Espere encontrar poemas, charges, artigos de opinião e até mesmo obras de arte — geralmente elas aparecem nas questões sobre Literatura;

3- Norma culta e popular: O candidato deve saber a importância da norma culta, assim como deve conhecer também aspectos relacionados com as variações linguísticas, bem como respeitá-las;

4- Funções da linguagem: Conhecer e identificar as seis funções da linguagem (referencial, apelativa, fática, poética e metalinguística) é fundamental para a compreensão do texto. As funções são responsáveis por denotar as intenções daquele que escreve o texto;

5- Figuras de linguagem: Outro elemento essencial para a interpretação de texto e estão comumente associadas aos textos literários, assim como aos textos de humor, como charges e tirinhas;

6- Literatura: Conhecer as características dos principais movimentos literários é muito importante para a análise das questões de Literatura. O diálogo entre elementos visuais e verbais exige que o candidato saiba estabelecer analogias e construir inferências, resgatando assim todo o conhecimento adquirido ao longo da vida escolar;

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

7- Gramática e Semântica: Área da Gramática que trabalha com o sentido das palavras — portanto intimamente ligada à interpretação de texto —, a semântica é abordada em muitas questões do Enem.

Observe uma questão em que muitos dos elementos acima são contemplados:

Questão 102 – Enem 2011

O reconhecimento dos elementos linguísticos e extralinguísticos é essencial para a interpretação de texto.
O reconhecimento dos elementos linguísticos e extralinguísticos é essencial para a interpretação de texto.

O anúncio publicitário está intimamente ligado ao ideário de consumo quando sua função é vender um produto. No texto apresentado, utilizam-se elementos linguísticos e extralinguísticos para divulgar a atração “Noites do Terror”, de um parque de diversões. O entendimento da propaganda requer do leitor

a) a identificação com o público-alvo a que se destina o anúncio.
b) a avaliação da imagem como uma sátira às atrações de terror.
c) a atenção para a imagem da parte do corpo humano selecionada aleatoriamente.
d) o reconhecimento do intertexto entre a publicidade e um dito popular.
e) a percepção do sentido literal da expressão “noites do terror”, equivalente à expressão “noites de terror”.

    
Comentário da questão: Na questão são exigidos conhecimentos linguísticos e extralinguísticos, capacidade de estabelecer analogias e construir inferências, domínio das funções de linguagem (nesse caso, da função apelativa, predominante em anúncios publicitários) e das figuras de linguagem. Na frase em destaque, “Quem é morto sempre aparece”, há uma relação intertextual com o ditado popular “Quem é vivo sempre aparece”, por isso, a plena compreensão dependerá do reconhecimento dessa intertextualidade.

Resolução: Alternativa “d”. 

Assista às nossas videoaulas
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Enem Brasil Escola