Patrocínio:

Whatsapp
Em 16/09/2017 09h59

Setembro Amarelo: depressão x suicídio

Blog do Vestibular

O artigo não representa a opinião do site. A responsabilidade é do autor do texto.

Doença tira a vontade de viver e pode levar a pessoa ao suicídio Por Lorraine Vilela Campos
Crédito da Imagem: Shutterstock
PUBLICIDADE

O suicídio é um dos problemas de saúde pública mais preocupantes no Brasil. Aproximadamente 32 pessoas cometem suicídio por dia no país, número superior ao óbito por doenças como a Aids e vários tipos de Câncer. 

Com o objetivo de conscientizar a população e alertar para o alto número de suicídios, o Centro de Valorização da Vida (CVV), o Conselho Federal de Medicina (CFM) e a Associação Brasileira de Psiquiatria (IASP) se uniram e criaram, em 2015, o “Setembro Amarelo”. Desde então, diversas ações são realizadas com foco na prevenção. 

O maior problema do suicídio é que ainda trata-se de um tabu. Falar no assunto é raro e as pessoas têm medo de procurar ajuda por receio do preconceito da família, dos amigos e profissionais da saúde sobre as dificuldades que vêm enfrentando. 

Depressão x Suicídio

Muitas são as causas que podem levar ao suicídio, como perda da principal fonte de renda, doença ou morte na família, relacionamentos abusivos e problemas psiquiátricos. No entanto, a principal doença ligada à falta da vontade de viver é a depressão. 

O problema da depressão é que muitas vezes seu diagnóstico é tardio, seja por falta de informação, dificuldade de acesso a tratamentos especializados, medo ou preconceito. 

A depressão é uma doença e precisa ser tratada, ela atinge todas as idades e classes sociais. O senso comum mais atrapalha do que ajuda, já que muitos conselhos equivocados dificultam o reconhecimento dos sintomas e atrasam a procura por tratamento. 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O silêncio do depressivo é algo perigoso. A doença tira a vontade de viver, afasta a pessoa do convívio com parentes e amigos, dificulta o desenvolvimento de atividades de trabalho e lazer, deixando a pessoa cada vez mais isolada. 

Os sinais de que uma pessoa depressiva pensa em tirar a própria vida são perceptíveis, mesmo que de forma singela. Por isso, o “Setembro Amarelo” é importante para falar sobre um assunto tabu igual ao suicídio e as doenças que podem levar alguém a esse ato, como é o caso da depressão. As ações mostram que conversar é preciso, que buscar ajuda não é fraqueza e que o apoio emocional da família, amigos ou cônjuge é necessário para que o tratamento tenha melhor resultado. 

Você pode conhecer mais sobre o Setembro Amarelo neste site. A página traz depoimentos de diversas pessoas sobre o assunto e também possui um canal de contato com a equipe do CVV. O Centro de Valorização da Vida também conta com atendimento 24h pelo telefone 141

Relacionados
Agressão sofrida por professora em Santa Catarina é reflexo do descaso do Governo com a educação brasileira.
A crise dos refugiados chama a atenção para a falta de solidariedade entre os povos. Onde está o respeito ao próximo?
Confira análise de como a população tem reagido, pela internet, a manifestações culturais e artísticas
Jogo Baleia Azul tem preocupado a sociedade e levado a reflexão sobre o poder da influência digital na vida de adolescentes.
  • Facebook Brasil Escola
  • Instagram Brasil Escola
  • Twitter Brasil Escola
  • Youtube Brasil Escola
  • RSS Brasil Escola
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES