Topo
pesquisar
Em 07/04/2017 13h37

Brasileiros poderão estudar no Instituto de Bragaça, em Portugal, com o Enem

Notícias

Instituição é a 20ª que assina acordo com o Inep para utilizar as notas do exame. Por Lorraine Vilela Campos
PUBLICIDADE

O Instituto Politécnico de Bragança (IPB), em Portugal, é a 20ª instituição à aderir ao Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) como forma de ingresso de estudantes brasileiros. O acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) foi assinado ontem, 6 de abril. 

Veja como estudar em Portugal com o Enem

Instituições de Portugal têm aderido ao Enem para a entrada de brasileiros desde 2014. Apesar da utilização das notas do exame como seleção, não há nenhum convênio entre o Inep e as universidades e institutos para que sejam concedidas bolsas de estudos, ou seja, é tudo pago pelo estudante. 

O IPB conta com cinco unidades, sendo quatro em Bragança e uma em Mirandela. O custo anual dos cursos é de 1.090 euros, o equivalente a R$ 3.612,59, valor dividido em 10 parcelas. De acordo com o presidente do IPB, José Sobrinho Teixeira, os gastos mensais em Bragança (incluindo moradia, mensalidade e alimentação) são de aproximadamente R$ 1.160 (350 euros). 

Instituições que aderiram ao Enem

As universidades que aderiram ao Enem são de Coimbra, Algarve, Aveiro, Lisboa, Porto, Madeira, Açores, Beira Interior e Minho. Já os institutos politécnicos são os de Leira, Beja, Porto, Portalegre, Cávado e Ave, Coimbra, Guarda, Viseu, Santarém e Bragança. Além disso, há também a Cooperativa de Ensino Superior Politécnico e Universitário. 

Como estudar em Portugal com o Enem?

Quatro estudantes brasileiros que entraram em diferentes universidades portuguesas com o Enem contam quais o passos para estudar no exterior e dão dicas para quem tem esse sonho. 

Com informações do Inep

PUBLICIDADE
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Enem Brasil Escola