Em 08/06/2020 08h14 , atualizado em 08/06/2020 08h20

Enem 2021 pode ser suspenso por falta de verba

Notícias

MEC enviou ofício para o Ministério da Economia com solicitação de aumento no orçamento previsto para 2021. Por Lorraine Vilela Campos
Crédito: Gabriel Ramos/Shutterstock
Crédito: Gabriel Ramos/Shutterstock
PUBLICIDADE

A falta de recursos financeiros destinados ao Ministério da Educação (MEC) pode gerar a suspensão do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021. A informação faz parte do ofício que a pasta enviou ao Ministério da Economia sobre a proposta orçamentária para 2021.  

Segundo o documento, a previsão do orçamento para despesas discricionárias, ou seja, gastos e investimentos que não são obrigatórios, é de R$ 18.780,1 bilhões para o ano de 2021, valor abaixo dos R$ 22.967,8 bilhões definidos para 2020. 

De acordo com o MEC, a redução orçamentária para gastos com políticas educacionais trará prejuízos e poderá inviabilizar a aplicação do Enem 2021. A restrição de verba pode resultar no fechamento de cursos, campi e até mesmo instituições de ensino. 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Projeto de Lei Orçamentária 2021

O Projeto de Lei Orçamentária para 2021 ainda está em fase de projeções preliminares e os valores estipulados podem ser alterados até o envio do texto para o Congresso. 

Para evitar o impacto na Educação, o MEC solicitou ao Ministério da Economia o acréscimo de R$ 6,9 bilhões aos R$ 18 bilhões previstos no orçamento de 2021. 

A previsão é de que o projeto orçamentário para 2021 seja enviado ao Congresso até o dia 31 de agosto. 

Relacionados
Começou neste sábado, 20 de junho, a enquete para escolher a nova data do Enem 2020. Os mais de 6 milhões de inscritos poderão votar até o dia 30 de junho.
O Inep fará entre os dias 20 e 30 de junho uma enquete perguntando para os participantes do Enem 2020 sobre as datas das provas. Veja as opções de datas!
Termina hoje (10) o novo prazo para pagamento da taxa de inscrição do Enem 2020. Boleto de R$ 85 deve ser emitido pela Página do Participante.
Os estudantes terão até o dia 10 de junho para pagamento da taxa do Enem 2020. Prazo foi prorrogado pelo Inep e boleto será liberado em 3 de junho.
Números de infectados e mortos pelo coronavírus cresceram no Brasil em maio a ponto de o país ser considerado novo epicentro do mundo pela OMS
A pandemia da Covid-19 gerou a suspensão ou cancelamento de vestibulares. Como alternativa, várias instituições adotaram o Enem como seleção.
O Inep divulgou hoje, 28/05, o número de inscritos no Enem 2020. Inscrições foram as menores desde 2010.
O Inep disponibilizou para o público em geral a cartilha seguida pelos avaliadores que corrigem a redação do Enem. Este material era restrito aos corretores.
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES