Topo
pesquisar
Em 21/09/2016 16h51, atualizado em 21/09/2016 16h56

Universidade portuguesa fecha convênio com o Inep para uso do Enem

Notícias

UBI já usava notas do exame para ingresso de brasileiros, mas sem acordo com o órgão. Por Lorraine Vilela Campos
PUBLICIDADE

A Universidade da Beira Interior (UBI), em Portugal, assinou o convênio com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) na última terça-feira, 20 de setembro, para a utilização das notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para ingresso de brasileiros.

Veja também: Brasileiros explicam como usar o Enem para estudar em Portugal

A instituição portuguesa já aceitava a pontuação do Enem para o ingresso de brasileiros desde 2014. Com a assinatura do convênio, a UBI se junta à outras 16 universidades e institutos de Portugal que utilizam as notas do exame. 

Adesão

Oficialmente, as primeiras instituições que aderiram ao Enem foram as universidades de Coimbra (UC) e Algarve (UALg), em 2014. 

Já o ano de 2015 contou com a adesão dos institutos politécnicos de Leira, Beja, Porto, Portalegre, Cávado e Ave,  Coimbra e Guarda. A Universidade de Lisboa também adotou as notas do Enem para a entrada de brasileiros na mesma época. 

O convênio com o Inep foi assinado em 2016 pelas universidades do Porto, da Madeira, dos Açores e, agora, Beira Interior. Juntaram-se ao grupo os institutos de Viseu e Santarém. 

Como estudar em Portugal?

O Brasil Escola conversou com quatro estudantes brasileiros que entraram em universidades portuguesas com o Enem.  Os alunos explicam como é possível usar a nota e falam como é estudar no exterior. Saiba mais nesta reportagem.

 

PUBLICIDADE
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Enem Brasil Escola