Topo
pesquisar
Em 01/07/2014 16h48, atualizado em 01/07/2014 16h49

Tecnologia em Biocombustíveis

Profissões do Futuro

A preocupação ambiental e econômica causou uma demanda por cursos e profissionais especializados em biocombustíveis Por Adriano Lesme
Os biocombustíveis podem abastecer grande parte da frota nacional de carros no futuro
Os biocombustíveis podem abastecer grande parte da frota nacional de carros no futuro
PUBLICIDADE

Há muito tempo ouvimos falar que o petróleo vai acabar e que precisamos investir em novas fontes de energia. Apesar de 87% do combustível consumido no mundo ainda ser de origem fóssil, realmente vai chegar o dia em que ele acabará. O petróleo, o carvão mineral e o gás natural não são renováveis e o seu consumo gera poluição e, consequentemente, problemas à saúde da população.

Baseados nesses fatores econômicos e ambientais, governos e empresas têm investido cada vez mais em biocombustíveis, ou seja, fontes de energia renováveis oriundas de produtos vegetais e animais. Essa fonte alternativa de energia emite menos gases poluentes, contribui para o aumento de emprego na zona rural e reduz a dependência de fontes de origem fóssil.

A graduação em Tecnologia em Biocombustíveis surgiu para qualificar profissionais para esse novo mercado, suprindo uma demanda que só tende a aumentar. O curso tecnológico capacita seus alunos para atuarem na produção, comercialização, pesquisa e desenvolvimento dos três tipos de biocombustíveis: sólidos, líquidos e gasosos. Durante a graduação, o discente também receberá noções de conservação ambiental e produção sustentável, pois a intensificação das plantações de cana-de-açúcar, por exemplo, causa perda de nutrientes do solo, erosão e desmatamentos.

O curso de Tecnologia em Biocombustíveis tem uma abordagem interdisciplinar, na qual os alunos estudam disciplinas de Biologia, Química, Física, Agronomia e Economia. Algumas das disciplinas mais comuns são Bioética e Biossegurança, Biologia Celular, Bioquímica, Climatologia, Controle de Qualidade, Ecologia, Economia Ambiental, Genética e Evolução, Gerenciamento de Resíduos, Matemática e Estatística, Legislações, Microbiologia, Química Orgânica, Química Analítica, Termodinâmica, Biomassa, Biodiesel, Bioetanol e Biogás.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Mercado

Apesar de o Brasil ser líder na produção do etanol obtido da cana-de-açúcar, o mercado nacional não se resume a esse setor. Muitas empresas têm se destacado na produção de biogás, biodiesel e biocombustíveis sólidos, como os que usam o carvão vegetal como matéria-prima. Há campos de trabalho na agricultura, com a produção e extração da matéria-prima (cana-de-açúcar, beterraba, soja, milho, mamona etc.), e na indústria, com o controle de qualidade. O mercado é maior nas regiões Centro-Oeste e Sul, onde está concentrada a maior parte da produção nacional.

Curso: Tecnologia em Biocombustíveis; Bioenergia e Biocombustíveis
Duração: três anos
Salário inicial: R$ 3.000

Onde cursar

Região Centro-Oeste
Mato Grosso: IFMT (Cáceres)

Região Nordeste
Bahia: FARB (Salvador)

Região Sudeste
São Paulo: IFSP (Matão); FATEC (Araçatuba, Jaboticabal, Piracicaba); UniAra (Araras); FACOL (Lençóis Paulista)

Região Sul
Paraná: UFPR (Palotina); ULT (Jaguariaíva)
Rio Grande do Sul: UFPel (Eldorado do Sul)

BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola