Topo
pesquisar
Em 20/02/2019 10h52, atualizado em 20/02/2019 10h52

ProUni 2019/1: resultado da 2ª chamada está disponível

Notícias

Pré-selecionados devem apresentar à instituição os documentos que comprovem as informações prestadas na ficha de inscrição, até o dia 27 de fevereiro. Por Giullya Franco
PUBLICIDADE

O Programa Universidade Para Todos (ProUni) 2019/1 publicou nesta quarta-feira, 20 de fevereiro, a relação dos candidatos pré-selecionados na segunda chamada. O resultado pode ser consultado usando o número de inscrição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018.

Confira a 2ª chamada ProUni 2019/1

Os candidatos convocados devem apresentar à instituição para a qual foi pré-selecionado, até a próxima quarta-feira, 27 de fevereiro, os documentos que comprovem as informações prestadas na ficha de inscrição.

Lista de Espera

Os estudantes que não foram selecionados em nenhuma das duas chamadas do ProUni podem manifestar interesse em participar da lista de espera, que ficará aberta nos dias 7 e 8 de março. Para participar da lista de espera, o candidato deve confirmar o interesse na bolsa, por meio da Página do ProUni.

A lista de espera será única para cada curso e turno de cada local de oferta, independentemente da opção original dos candidatos pela concorrência a vagas destinadas à implementação de políticas afirmativas ou à ampla concorrência.

No dia 11 de março será disponibilizada a relação dos candidatos participantes da lista de espera para consulta pelas instituições. A documentação para comprovação das informações prestadas na inscrição deve ser apresentada por todos os candidatos participantes da lista de espera, entre os dias 12 e 13 de março, nas respectivas instituições.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

ProUni 2019/1

Foram oferecidas pelo Ministério da Educação (MEC) 243.888 bolsas de estudo para o ProUni 2019/1. Das bolsas, 116.813 eram integrais (100%) e 127.075 parciais (50%).

As ofertas foram exclusivas para quem fez o Enem 2018 e alcançou pelo menos 450 pontos de média nas provas e nota acima de zero na redação, além de se encaixar nos critérios exigidos pelo MEC.

  • Ter estudado todo o ensino médio em escola da rede pública;
  • Ter cursado o ensino médio completo em escola privada como bolsista integral;
  • Ter feito o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em escola privada com bolsa integral;
  • Ser pessoa com deficiência;
  • Ser professor da rede pública de ensino, que esteja no exercício do magistério da educação básica e esteja no quadro de pessoal permanente da instituição pública.

Os candidatos também tiveram que informar a renda familiar para saber qual tipo de bolsa estava disponível. Confira a forma de divisão das bolsas:

- Renda familiar de até 1,5 salário mínimo por pessoa: bolsa integral (100%)
- Renda familiar de até 3 salários mínimos por pessoa: bolsa parcial (50%)

Para mais informações acesse o Site do ProUni.

BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Enem Brasil Escola