Em 01/07/2020 12h35 , atualizado em 01/07/2020 15h58

Inep divulga resultado da enquete sobre as novas datas do Enem 2020

Notícias

Pesquisa foi realizada em junho para definir o novo cronograma de aplicação das provas impressas e virtuais. Por Lorraine Vilela Campos
PUBLICIDADE

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) anunciou nesta quarta-feira, 1º de julho, o resultado da enquete para ajuda na escolha das novas datas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020. 

De acordo com o Inep, a data com maior número de votos foi a referente ao mês de maio, com 553.033, 49,7% do total dos 1.113.350 inscritos que participaram. Em seguida, ficou a data de janeiro, com 392.902 votos (35,3% do total) e por último a data de dezembro, com 167.415 votos (15% do total).

Participaram da enquente 1.113.350 inscritos, o que representa 19,3% dos total dos quase 5,8 milhões de estudantes inscritos confirmados. Ela foi realizada entre os dias 20 e 30 de junho, na Página do Participante, destinando-se apenas aos inscritos no Enem 2020. Foram dadas três opções de datas para cada modalidade do exame (Impresso ou Digital). 

Enem Impresso

1ª opção: 6 e 13 de dezembro de 2020
2ª opção: 10 e 17 de janeiro de 2021
3ª opção: 2 e 9 de maio de 2021

Enem Digital

1ª opção: 10 e 17 de janeiro de 2021
2ª opção: 24 e 31 de janeiro de 2021
3ª opção: 16 e 23 de maio de 2021

Apesar da apresentação dos números da enquente terem sido divulgados, ainda não foi definida qual será a data de aplicação das provas do Enem 2020. Isso se deve por conta de o Inep agora querer ouvir os representantes das escolas públicas e as entidades de ensino superior.

A data sairá desta definição coletiva entre os estudantes - através da enquete, os representantes das escolas públicas e as entidades de ensino superior. O prazo para que o Inep defina isso é de duas a três semanas. Mas as inscrições do Enem não serão reabertas. 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A definição será feita após a data ser debatida com o Conselho dos Secretários Estaduais de Educação (Consed), a Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), o Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif) e outros.

Inicialmente, o Enem Impresso seria aplicado em 1º e 8 de novembro, já as provas digitais seriam realizadas em 22 e 29/11, mas a pandemia de Covid-19 gerou o adiamento do exame em 30 ou 60 dias para evitar prejuízos aos estudantes. 

Enade

Também foi informado que devido a pandemia, as provas do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) não serão aplicadas este ano. Elas ocorrerão somente em 2021 e o cronograma será divulgado em breve.

Como será o Enem 2020?

O Enem 2020 contará com as versões impressa e digital, sendo esta edição a primeira com aplicação do exame virtual. São esperados 5,7 milhões de estudantes para os dois domingos consecutivos de provas. 

As provas serão compostas por 180 questões objetivas, as quais se dividem em 45 para Linguagens e Códigos, 45 de Ciências Humanas, 45 de Ciências da Natureza, 45 de Matemática e uma redação. 

A partir da próxima segunda-feira, 06 de julho, estará disponível no aplicativo do Enem um simulado para o Exame. Os candidatos vão poder escolher qual prova das edições anteriores deseja testar seus conhecimentos.

Mais informações no site do Inep.
 

BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES