Em 20/07/2012 07h11 , atualizado em 20/07/2012 07h11

2ª chamada da edição 2012/2 do ProUni já pode ser conferida

Notícias

Comprovação de dados deve ser realizada até a próxima quinta-feira, dia 26. Por Dayse Luan
PUBLICIDADE

A segunda chamada da edição do segundo semestre do Programa Universidade para Todos (ProUni) foi liberada nesta sexta-feira, 20 de julho. A primeira foi disponibilizada no início deste mês, no dia 05, e a confirmação de informações ocorreu até o último dia 13.

Consulte os convocados

O pré-selecionado deve verificar junto à instituição para a qual foi aprovado as datas, locais e horários para a matrícula, que acontece até a próxima quinta-feira, 26 de julho. Os classificados precisam comprovar os dados fornecidos na inscrição apresentando esses documentos. Algumas instituições aplicam ainda um processo seletivo próprio, que deve ser gratuito.

Entre os dias 02 e 04 de agosto serão recebidas as inscrições para a lista de espera, que poderão ser feitas por aqueles que não foram convocados ou que foram pré-selecionados para cursos em que não houve formação de turma. A partir do dia 07 seguinte, as instituições que ainda possuírem bolsas poderão fazer novas chamadas, através de seus sites.

Programa

Nesta edição foram registradas 874.273 inscrições feitas por 456.973 candidatos, que podem escolher até duas opções de cursos. O estado com o maior número de registros foi São Paulo, com 132.220, veja a relação completa. O ProUni distribui bolsas de estudo, totais e parciais, em instituições particulares de ensino superior.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Bolsas integrais puderam ser solicitadas por alunos com renda familiar, por pessoa, de até um salário mínimo e meio (R$ 933). Já aqueles com renda familiar de até três salários mínimos (R$ 1.866) por pessoa podiam requerer as bolsas parciais. Professores do ensino público em exercício e que desejassem bolsas para cursos de licenciatura ou pedagogia não precisavam desde critério de renda.

São oferecidas 90.311 bolsas, sendo 52.487 integrais e 37.824 parciais, com desconto de 50% da mensalidade. Elas estão divididas em 322 cursos distribuídos em 1.316 instituições particulares de educação superior pelo país. Desde 2004, quando foi criado, o programa já distribuiu mais de 1 milhão de bolsas de estudos em cursos de graduação e sequenciais de formação específica.

Por Dayse Luan

BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES