Whatsapp
Em 05/03/2009 08h49 , atualizado em 24/09/2014 11h49

Cotas na UEM

Cotas

A UEM reserva 20% das vagas de todos os cursos para o Sistema de Cotas. Por Wanessa de Almeida
PUBLICIDADE

Atualizado por Letícia Oliveira

A Universidade Estadual de Maringá aprovou no início de 2008 o sistema de cotas sociais da instituição. Desde o Vestibular de Inverno de 2009, 20% do total de vagas de cada curso, turno e campus é destinado para estudantes brasileiros ou naturalizados que cursaram integralmente os ensinos Fundamental e Médio em escolas públicas.

Além disso, o candidato deve comprovar renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio, vigente no país. Vestibulandos que já tenham um diploma de curso superior não podem concorrer aos postos da UEM pelo novo sistema.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Assim como em outras instituições, o interessado deve optar no ato da inscrição pela seleção por cotas. A entrega de documentos que comprovem que o estudante é mesmo egresso de escola pública deve ser feita obrigatoriamente no ato da matrícula institucional, junto à Diretoria de Assuntos Acadêmicos (DAA).

O Estudante que tiver sua análise indeferida por parte da comissão será eliminado do vestibular e não terá direito de concorrer ao Sistema Universal. 


Veja também:
Conheça a UEM

BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES