Topo
pesquisar
Em 17/10/2014 11h42

Quatro fatores a considerar ao escolher o seu destino de estudo

Estudar no Exterior

Por Hotcourses Brasil
PUBLICIDADE

Alguns estudantes já têm, desde sempre, um país em mente quando pensam em estudar no exterior. Estados Unidos? Inglaterra? Irlanda? Canadá? Com certeza, estes são alguns dos destinos de estudo mais populares entre brasileiros e todos têm os seus prós e contras. Outros, no entanto, não tem nenhuma ideia para onde ir. Você já sabe onde quer estudar? Se ainda estiver em dúvida, considere os quatro fatores a seguir.

1. Onde?

Esta é a pergunta mais básica: para onde você quer ir? Parece simples, mas se houver um país ou, até mesmo, uma cidade que você sonha conhecer, esta pode ser a sua oportunidade de não só visitá-lo (a), como também de morar e estudar nele (a). Estar em um lugar pelo qual você é apaixonado será uma motivação a mais para se dedicar aos estudos (e, consequentemente, conseguir permanecer por mais tempo). E lembre-se: você terá tempo de sobra para visitar, passear e viajar pelo país durante a estadia.

2. Quanto?

Quanto custará o curso? Qual é o meu orçamento? Outro fator que parece ser básico, mas é matemática simples. Quanto tenho para gastar e quanto precisarei gastar. Antes de começar a se inscrever, entenda quais serão os seus gastos com o curso, moradia, alimentação, transporte e outras despesas. Depois, analise o quanto você terá disponível para investir nesta experiência. Aí é hora de encontrar opções que caibam no seu orçamento. Não adianta escolher um curso maior que o seu bolso. Um dos aspectos do processo seletivo no exterior é o financeiro: as instituições vão exigir uma declaração de suporte financeiro e outros documentos para comprovar que você será capaz de bancar todas as despesas do curso no exterior. Este é também o momento de conversas com seus pais ou responsáveis para saber se poderão lhe oferecer suporte financeiro.

3. Zona de conforto

Você está disposto a sair da sua zona de conforto? Estudar no exterior é uma aventura, mas alguns preferem escolher um país que possa passar qualquer sensação de familiaridade: estudar em Portugal, por causa do idioma; estudar na América Latina, por ser mais próximo ao Brasil; estudar em um país que tenha um clima predominantemente quente, etc. Outros querem vivenciar um estilo de vida diferente: estudar na Ásia, do outro lado do mundo; estudar em um país com idioma completamente diferente (e fugir, inclusive, do inglês); morar em um país onde neva por vários meses... Tudo vai depender do quanto você estiver disposto a ultrapassar a sua zona de conforto. 

4. Área de estudo

A sua área de estudo pode influenciar o seu destino. Alguns países são especializados em campos específicos, como agricultura na Nova Zelândia e direito no Reino Unido. Normalmente, o país é reconhecido por uma área de estudo específica (ou várias) porque ela faz parte integral da economia, estilo de vida, história e cultura nacionais. 

Por Brenda Bellani

  • Relacionados
PUBLICIDADE
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola