Topo
pesquisar
Em 02/02/2017 07h58, atualizado em 02/02/2017 08h00

Pesquisa mostra que 71% dos brasileiros mantêm os planos de estudar no EUA, mesmo com Trump

Estudar no Exterior

49% definitivamente ainda consideram os EUA e 22% responderam que provavelmente ainda iriam para o país Por Hotcourses Brasil
Pesquisa realizada mostra que 58% de 6.744 participantes ainda iriam estudar no país
Pesquisa realizada mostra que 58% de 6.744 participantes ainda iriam estudar no país
PUBLICIDADE

Uma pesquisa realizada pelo Hotcourses Group com os seus usuários globais comprovou que os estudantes internacionais continuam a considerar estudar nos Estados Unidos mesmo após a eleição de Donald Trump e as suas controversas propostas anti-imigração.

Os dados foram coletados entre 11 e 24 de novembro de 2016. Apesar da onda de incertezas e inquietações sobre a concessão de vistos, tanto de turista quanto de estudante, e as regras imigratórias para os EUA, a pesquisa realizada mostra que 58% de 6.744 participantes ainda iriam estudar no país – 43% responderam “sim, definitivamente” e 13% “provavelmente sim”. 

Os respondentes são estudantes do Brasil, Vietnã, Tailândia, Rússia, Oriente Médio, Turquia, China e outros países da América Latina. Entre os brasileiros, a porcentagem é ainda maior: 49% definitivamente ainda consideram os EUA e 22% responderam que provavelmente ainda iriam para o país, totalizando uma aprovação de 71%.

Resultado entre os respondentes brasileiros: Você consideraria estudar nos Estados Unidos após a eleição do Trump?

  • 49% - Sim, definitivamente
  • 22% - Provavelmente sim
  • 19% - Provavelmente não
  • 6% - Sem chances

Outros destinos de estudo que poderiam substituir os Estados Unidos

Outro dado recolhido pela pesquisa foi referente aos destinos de estudo mais populares além dos Estados Unidos. O Hotcourses Group perguntou aos estudantes que responderam “provavelmente não” e “sem chances” para a primeira pergunta qual país eles escolheriam para substituir a América. O Canadá e a Austrália foram os destinos mais escolhidos, com 38% e 36% das respostas.

Entre os brasileiros, os dois mesmos países também foram os mais mencionados; o Canadá na dianteira, com mais de 60% das respostas:

  • 61% - Canadá
  • 43% - Austrália
  • 39% - Reino Unido
  • 37% - Outros países da Europa
  • 28% - Nova Zelândia
  • 14% - Permaneceriam no Brasil
  • 7% - Outros países da Ásia
  • 3% - Hong Kong
  • 2% - Singapura
  • 1% - Malásia
  • 9% - Outros

Campanha #YouAreWelcomeHere

Enquanto isso, nos Estados Unidos, várias universidades se reuniram para promover a campanha #YouAreWelcomeHere (Você é bem-vindo aqui), idealizada pela Temple University, com intuito de defender seus estudantes internacionais, incentivar outros a estudarem nos EUA, e acolher e valorizar a diversidade cultural.

Até agora 20 escolas aderiram ao movimento, como a University of Idaho, Wright State University e NYIT. Mensagens de apoio foram compartilhadas nas redes sociais usando a hashtag da campanha e as universidades produziram vídeos com seus estudantes, professores e colaboradores, como este do Study Group:

PUBLICIDADE
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola