Topo
pesquisar
Em 18/11/2016 11h46

O que significa ser transfer student?

Estudar no Exterior

Estudantes que já estão cursando graduação no Brasil podem se transferir para faculdades de outros países. Por Hotcourses Brasil
PUBLICIDADE

Existe um processo de seleção no exterior que é diferente do tradicional. Se você já estiver cursando uma graduação no Brasil, talvez possa se qualificar como um transfer student ou transfer applicant; ou seja, um estudante/candidato de transferência. E o que isso significa?

O site da University of Missouri (Mizzou), por exemplo, define Transfer Student como estudante interessado em um diploma acadêmico que:

  • Tenha recebido um diploma do ensino médio ou certificado equivalente;
  • Tenha concluído uma grade curricular durante uma sessão regular em uma faculdade ou universidade.

Portanto, seria conseguir se transferir de uma instituição de ensino superior para outra para concluir a graduação em outra universidade. A transferência pode ser de uma brasileira para uma de qualquer outro destino de estudo, ou até mesmo entre instituições do mesmo país; e também de uma faculdade comunitária para uma universidade.

Critérios para a transferência

Além de todo o processo de seleção, o estudante de transferência também precisa preencher alguns requisitos de admissão adicionais, que são um pouco diferentes da seleção diretamente do ensino médio.

O estudante precisará comprovar um GPA mínimo acumulativo, atender aos critérios de admissão da universidade para uma graduação e/ou comprovar já ter cursado certos créditos acadêmicos do bacharelado. Cada universidade estipula requisitos diferentes, como o GPA mínimo, o número de créditos acadêmicos concluídos e quais disciplinas o estudante já deve ter cursado. Por isso, é essencial visitar o site oficial da universidade para saber como se inscrever como estudante de transferência.

Para estudantes estrangeiros, normalmente há também a exigência da tradução dos documentos obrigatórios para o inglês e também a avaliação oficial da grade curricular realizada por uma agência autorizada a analisar a equivalência de diplomas estrangeiros, como a WES e a NACES.

A University of Central Florida (UCF), por exemplo, em seu site oficial, informa que os critérios de admissão variam de acordo com o número total de horas semestrais transferíveis da grade curricular que você já tiver cursado no momento que for fazer a inscrição de transferência para a UCF. O site tem páginas específicas de orientações para quem tiver menos de 30; 30 ou mais; e 60 ou mais horas semestrais transferíveis.

A Mizzou tem, inclusive, uma ferramenta chamada Transferology para ajudar os estudantes a explorarem as opções de transferência universitária. Por ela, você pode analisar as equivalências de grades curriculares e simular uma avaliação do seu diploma acadêmico.

A inscrição

Procure pelas páginas de Transfer, Transfer Students ou Transfer Applicants nos sites oficiais das universidades estrangeiras. É nela que você encontrará todas as informações, requisitos e passo a passo para a inscrição, inclusive formulários e também ferramentas como a da Mizzou, que ajudam a entender se você se qualifica para a transferência no exterior.

PUBLICIDADE
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola