Topo
pesquisar
Em 20/11/2014 12h24, atualizado em 20/11/2014 12h25

Estudar na Irlanda: processo de inscrição

Estudar no Exterior

Por Hotcourses Brasil
PUBLICIDADE

O processo de inscrição para estudar na Irlanda depende do curso pelo qual você estiver interessado: curso de inglês, graduação ou pós-graduação. Para cada um deles, há formas diferentes de se inscrever.

Curso de inglês

A Irlanda é um destino de estudo popular entre estrangeiros interessados em aprender a língua inglesa. Independente de sua idade, nível de fluência e requisitos de admissão, o país vai ter uma opção ideal para você, desde aulas de inglês mais informais e principiante até cursos com objetivos específicos, como Inglês para Negócios. O primeiro passo é encontrar uma escola de idiomas reconhecida oficialmente (veja a lista aqui) e decidir-se pelo seu curso. O processo de inscrição deve ser feito diretamente pela instituição, assim, ela é a mais recomendada para orientá-lo durante a sua decisão.

É essencial que a sua escola seja reconhecida oficialmente pelo Accreditation and Co-ordination of English Language Services para que você consiga o seu visto de estudante e estude legalmente no país.

Graduação

O método de inscrição em uma instituição de ensino superior irlandesa é diferente para estudantes europeus e não-europeus. O seu status é determinado pela sua inscrição e não pode ser alterado após o seu primeiro registro. Se você tem alguma cidadania europeia e está em dúvida em relação ao seu status, visite a página para estudantes europeus e verifique as informações. Mas tenha certeza antes de se inscrever.

Para os candidatos não-europeus, os requisitos de admissão variam a cada ano, dependendo do número de vagas disponíveis e do número de inscritos – por isso cursos mais competitivos têm requisitos mais rígidos. A admissão de estudantes irlandeses é decidida de acordo com o resultado no Irish Leaving Certificate Examination, uma prova que os nativos prestam com o término do ensino médio, na qual são avaliados em seis disciplinas que apresentam o melhor desempenho. Um diploma de Bacharelado Internacional (International Bacculaureate - IB) também é aceito como requisito mínimo de admissão em graduações, desde que contenham todas as médias e combinações de matérias exigidas pela universidade no processo seletivo. As inscrições são avaliadas individualmente (apenas o IB não garante a sua admissão). Cada instituição pode estipular outros requisitos específicos.

Outra exigência geral é a demonstração de proficiência no inglês. O candidato deve saber compreender, conversar e escrever no idioma para ser aceito em uma graduação na Irlanda. Felizmente, muitas universidades e faculdades irlandesas também oferecem cursos de inglês para estudantes interessados em estudar na Irlanda, mas que ainda não apresentem a fluência mínima necessária. Há mais de 100 escolas de treinamento na língua inglesa no país, com opções de curta a longa duração.

Os resultados mínimos de proficiência em inglês aceitos pelas universidades irlandesas são os seguintes:
Irish Leaving Certificate in English – Média D no nível Ordinary
GCSE (General Certificate of Secondary Education) em Língua Inglesa – Média C
GCE (General Certificate of Education) O-Level em Língua Inglesa - Média C
Universidade de Cambridge – Passar no Exame do Uso do Inglês (Use of English Examination)
IELTS – Resultado geral entre 6.0 e 6.5, e no mínimo 6.0 em cada seção da prova
Proficiência Cambridge – Média C
Cambridge Avançado – Média A
Exames orais da ARELS – Aprovado
ETAPP – Média C1
PTE Acadêmico – Resultado mínimo de 36

Pós-Graduação

O processo de inscrição para pós-graduação na Irlanda também é feito diretamente com a secretaria internacional da instituição que a oferece, mas, normalmente, não difere entre candidatos europeus e não-europeus. (Algumas instituições utilizam os serviços do Centro de Inscrições para Pós-Graduação.) Os prazos finais de inscrição variam de acordo com o curso e instituição – as universidades costumam ser bastante rígidas em relação às datas de entrega, portanto verifique com atenção os prazos específicos estipulados pela sua instituição irlandesa.

No aspecto financeiro, como de costume, os estudantes terão de comprovar ser capazes de bancar o curso e a estadia na Irlanda. As regras referentes à proficiência em inglês são um pouco mais rígidas. Todos os cursos de pós-graduação na Irlanda são ministrados em inglês e os estudantes devem ser capazes de falar, ler e escrever fluentemente no idioma.

Serão aceitos:
Irish Leaving Certificate in English – Média D no nível Ordinary
GCSE (General Certificate of Secondary Education) em Língua Inglesa – Média C
GCE (General Certificate of Education) O-Level em Língua Inglesa - Média C
Universidade de Cambridge – Passar no Exame do Uso do Inglês (Use of English Examination)
TOEFL - 220 (computer-based test) 550 (paper-based test)
IELTS – Resultado geral mínimo de 6.5, e no mínimo 6.0 em cada seção da prova
Proficiência Cambridge – Média C
Cambridge Avançado – Média C
Exames orais da ARELS – Aprovado
ETAPP – Média C1
PTE Acadêmico – Resultado mínimo de 36

Estes documentos de comprovação da fluência devem ter no máximo dois anos, até a data de inscrição.

Se você tem interesse em uma pós-graduação na área de medicina, precisa prestar o exame GAMSAT, uma prova padrão desenvolvida na Austrália.

Por Brenda Bellani

PUBLICIDADE
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola