Topo
pesquisar
Em 24/07/2012 09h22, atualizado em 24/07/2012 09h24

Culinária e Gastronomia no exterior

Estudar no Exterior

Por Hotcourses Brasil
PUBLICIDADE

Você gosta de gastar boa parte do seu tempo na cozinha fazendo e provando receitas? Vive em constante procura por novos pratos, novas culinárias e novos sabores? Inventa criações próprias e oferece para os familiares e amigos à procura de aprovação? Então você tem grandes chances de se dar bem em uma carreira em culinária e gastronomia.

A vantagem em optar por um curso no exterior nesta área é que o estudante não fica limitado a uma só cultura. Poderá fazer um tour pelo mundo sem deixar a instituição internacional, provará dos mais diversos sabores e o principal: aprenderá a dominar a arte culinária em um país estrangeiro, o que é extremamente valorizado no Brasil.

As universidades e faculdades internacionais são ótimas referências em cursos na área de alimentação. Oferecem cursos com diferentes focos e especializações pendendo, por exemplo, para a administração de empresas ou para o campo da hotelaria.

Veja algumas opções de cursos oferecidos no exterior: gestão de restaurantes, tecnologia da culinária, cozinha comercial, cozinha profissional, cursos de chefs, chef de artes culinárias, culinária para a indústria hoteleira, entre muitas outras. Saiba onde encontrar cursos de gastronomia e culinária no exterior.

São cursos que exigem uma grande capacidade de trabalho manual, criatividade, energia e muito amor pela profissão. São pelos profissionais mais apaixonados pelos detalhes (temperos, aromas, apresentação do prato, etc.) que são criadas as mais bonitas e deliciosas combinações de sabores.

Algumas instituições internacionais possuem seus próprios restaurantes ou cozinhas profissionais, nos quais os estudantes podem treinar na prática, atendendo e criando para clientes reais (e exigentes). É a melhor forma de conquistar a experiência profissional enquanto estuda.

É incrível a quantidade de programas na TV sobre culinária na Inglaterra. Os programas exploram diversos formatos:  competições de pessoas comuns cozinhando para convidados escolhidos pelo próprio programa, artistas ou modelos famosas dividem as seus segredinhos, competições entre chefs amadores e experientes, etc. Todos um super sucesso de audiência.

Onde estudar no exterior?

Jamie Oliver, Heston Blumenthal, Tom Aikens, entre vários outros chefs renomados inventam tendências e misturam ingredientes de pratos, na maioria conhecidos por nós, de forma totalmente inovadora. Algumas universidades de culinária no Reino Unido possuem profissionais com ampla experiência como parte do seu corpo docente - administradores de restaurantes, chefs de cozinha, maitres... Desta forma, você aprenderá os truques de sucesso com quem realmente entende de cozinha internacional.

A Le Cordon Bleu (LCB), por exemplo, é uma conceituada rede de escolas de ensino superior, líder mundial em artes culinárias. Originária da França, a LCB tem sedes em alguns países Europeus, na Ásia, na Oceania e nas Américas (ou seja, pelo mundo todo, possibilitando o intercâmbio entre as escolas da rede). Em Londres, a Le Cordon Bleu London oferece, além de culinária e gastronomia, cursos em viagens, turismo e hotelaria.

Requisitos para a admissão de estudantes estrangeiros

Como é obrigação em quase todas as universidades no exterior, o estudante estrangeiro precisa comprovar ter proficiência no inglês através dos testes IELTS ou TOEFL. No entanto, a nota mínima requerida para a admissão nesta área não costuma ser muito exigente: nos Estados Unidos, por exemplo, a média é de:
-TOEFL: nota mínima de 32 (feita pela internet) ou 400 (prova tradicional em papel)
-IELTS: nota mínima de 4.

Não se esqueça de solicitar informações sobre o processo de admissão para as instituições de seu interesse, pois os requisitos diferem entre elas.

Por Brenda Bellani

PUBLICIDADE
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola