Topo
pesquisar
Em 19/04/2013 14h52, atualizado em 12/05/2016 16h37

As diferenças entre universidades públicas e particulares nos Estados Unidos

Estudar no Exterior

Por Hotcourses Brasil
PUBLICIDADE

No Brasil, a meta de inúmeros estudantes do ensino médio é conquistar uma tão disputada vaga em uma universidade pública. As instituições públicas são as mais renomadas do Brasil e as únicas a aparecerem nos rankings das melhores universidades do mundo, como a Universidade de São Paulo (USP) e a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Além disso, o ensino nestas instituições é bancado pelo estado, pelo governo brasileiro, e o estudante não precisa pagar pelos seus estudos.

Se compararmos estas características do sistema de ensino superior brasileiro com o dos Estados Unidos, encontramos duas grandes diferenças:

1) As universidades americanas mais renomadas e de reputação internacional são particulares. Você já ouviu falar de várias delas: Massachusetts Institute of Technology (MIT), Harvard, Stanford, Yale, Princeton, Columbia, Duke, e várias outras.

2) As universidades públicas dos Estados Unidos são pagas.

A maioria das universidades públicas americanas é estadual – fundada e ministrada por entidades estaduais. Além de serem pagas, cobram valores mais altos de estudantes de outros estados americanos, ou, em inglês, out-of-state students. Isto porque seguem o preceito de que os estudantes do mesmo estado que a universidade – ou, na verdade, os pais dos estudantes – contribuem com o subsídio da instituição ao pagar os impostos, enquanto os out-of-state students contribuem com seu próprio estado.

É pelo fato das instituições, tanto públicas quanto particulares, serem pagas, que as famílias norte-americanas abrem poupanças desde muito cedo para economizar o dinheiro para a educação de seus filhos.

Anuidade cobrada por instituições americanas

Usemos as duas primeiras instituições particulares e públicas no topo da lista mais atual do Princeton Review, a Best Value College (das universidades com o melhor retorno para os investimentos em educação nos EUA) para compará-las e ter uma ideia da anuidade no país. Lembrando que nestes valores estão inclusos não só todo o curso, como moradia estudantil, material, livros universitários e outras taxas.

Instituições públicas
1º lugar: A University of Virginia cobra 22,5 mil dólares por ano para os moradores da Virginia (in-state) e 46 mil dólares para estudantes de outro estado.
2º lugar: A University of North Carolina - Chapel Hill é bem mais radical na diferença - 5,8 mil dólares para in-state e 26,5 mil para out-of-state.

Instituições particulares
1º lugar: Swarthmore College - 42,7 mil dólares.
2º lugar: Harvard University - 37,5 mil dólares.

Portanto, as particulares costumam ser significativamente mais caras, mas não diferenciam o valor entre in e out-of state students, como é feito pelas públicas.

Como estudante internacional, você é classificado como out-of-state, caso a sua intenção seja estudar em uma universidade pública americana. No entanto, as instituições internacionais costumam ter programas financeiros ou bolsas de estudo específicos para estrangeiros, o que pode ajudar a pagar parte ou completamente o curso.

Encontre cursos nos Estados Unidos pelo Hotcourses Brasil.

Por Brenda Bellani

PUBLICIDADE
BANCO DE REDAÇÕES

Elabore sua redação com o tema atual e as publique aqui no banco de redações

Tema

PESQUISA DE FACULDADES
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola